Feriadão de natal teve menos acidentes na rodovias federais do Acre em 2020

Por Marcelina Freire

A movimentação nas rodovias federais do Acre no feriado de natal, que corresponde ao período de 23 a 27 de dezembro de 2020 registrou menos ocorrências do que no ano anterior. Os dados divulgados pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na manhã desta segunda-feira, 04, mostram que houve uma redução no número de acidentes e de mortes em comparação com 2019. Por outro lado, houve um aumento de 30% no número de veículos fiscalizados.

Segundo a PRF, a fiscalização ocorreu nos principais trechos onde há uma maior incidência de acidentes e também de práticas criminosas. Ao todo neste período,  294 veículos foram abordados nas rodovias federais do Acre em 2020, enquanto em 2019 foram registradas 227 fiscalizações, o que representa uma diferença de 30% em relação ao ano anterior. Em todo o país esse aumento foi 5% com o total de 153 mil veículos fiscalizados. 

Ainda de acordo com os dados, em 2019 o Acre contabilizou quatro acidentes de trânsito no feriadão de natal, uma pessoa morreu. Já no ano passado foram registrados três acidentes e nenhuma morte. Já com relação a autuação de pessoas dirigindo sob o efeito de bebidas alcolicas, houve um aumento com relação ao mesmo período do ano anterior. A PRF registrou um flagrante de alcoolemia em 2019 e dois em 2020. Já as ultrapassagens proibidas, foram duas em 2019 e nove no ano passado.

De acordo com a PRF, de 23 a 27 de dezembro, no Brasil, aproximadamente 8 mil testes do etilômetro foram aplicados, o que resultou no flagrante de 695 motoristas que assumiram o volante depois de consumir bebida alcoólica. O número é 53% menor do que o registrado em 2019, no período de 21 a 25/12. Já as ultrapassagens proibidas resultaram em  7,5 mil condutores  autuados pela manobra arriscada; um aumento de 36% em relação ao feriado de Natal do ano passado.

 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.