Para garantir acesso de moradores, prefeitura realiza manutenção na estrada velha de Porto Acre

A prefeitura de Rio Branco, através do Departamento de Ramais da Empresa Municipal de Urbanização (Emurb), intensifica os trabalhos de manutenção viária ao longo da Estrada Velha de Porto Acre, cujo acesso se dá pela Estrada de Porto Acre (Rodovia AC 010), no km 8.

Esta semana, máquinas e trabalhadores da Emurb realizavam os serviços para garantir o acesso dos moradores e também a retirada da produção agrícola. O diretor de departamento de ramais, Ozias Bezerra, fez questão de acompanhar de perto os serviços para garantir a qualidade das obras.

A estrada velha de Porto Acre está dentro da programação de melhorias de ramais que é realizada pela Emurb. Ao todo são aproximadamente 150 km que estão sendo executados somente no chamado cinturão verde da cidade e no local está sendo realizado a melhoria de 4km.

O Ramal do Itucumã, localizado na estrada do Quinari (Rodovia AC 040) e os ramais Colibri e Boa Água (Estrada do Quixadá) também estão sendo beneficiados com ações de manutenção da prefeitura de Rio Branco, sem falar no Ramal da Galileia, onde a parceria com a comunidade garante a construção de uma ponte.

Com a intensificação do verão, a determinação do prefeito Marcus Alexandre é de que todas as equipes da Emurb, inclusive as do departamento de ramais, possam aproveitar ao máximo a estiagem para avançar com a recuperação e manutenção e garantir o acesso das comunidades rurais da nossa cidade.

Quem está gostando dos trabalhos da Emurb no local é a dona Maria Luiza, que mora há quinze anos na Estrada Velha de Porto Acre. Aos setenta e sete anos, ela já passou por muitas dificuldades em relação ao acesso, mas está otimista com a manutenção que está sendo feita pela prefeitura de Rio Branco. “Agora estou muito feliz porque as máquinas estão trabalhando aqui”, disse ela.

“Estamos trabalhando em diversos ramais, como no Itucumã, Colibri, Boa Água e em parceria com a comunidade fazendo uma ponte no Ramal Galiléia, porque a determinação do prefeito Marcus Alexandre é para que a gente cuide dos ramais de forma a garantir a trafegabilidade para todos os produtores rurais”, afirmou Ozias Bezerra.

Assessoria

 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.