Leo de Brito propõe medida capaz de fortalecer o comércio em Assis Brasil

O deputado federal Leo de Brito reuniu-se com o superintendente da Polícia Federal no Acre, Chang Fan, nesta sexta-feira (18), para tratar, entre outros assuntos, do sistema alfandegário de Assis Brasil. O parlamentar propôs a mudança de local do setor de imigração, hoje instalado na parte alta do município, para o centro da cidade, gerando assim maior movimentação de turistas no comércio. 
 

Localizado na tríplice fronteira entre o Brasil, o Peru e a Bolívia, Assis Brasil acaba sendo porta de entrada de muitos imigrantes. Para o deputado, a ideia é aproveitar esse fluxo para fortalecer a economia local. Em julho deste ano, representantes do comércio de Assis apresentaram a ideia a Leo, pedindo a intervenção política do parlamentar para que ela saísse do papel.

“Essa foi uma demanda vinda dos próprios comerciantes que eu fiz questão de levar ao governador Tião Viana, que demonstrou muito interesse no assunto, e hoje trago à PF. Apesar de Assis ser um ponto de passagem de muitos turistas, a localização da alfândega acaba fazendo com que a maioria deles nem chegue a passar pelo comércio. Creio que a mudança estratégica possa ajudar o município a crescer e se desenvolver economicamente”, afirma. 

O superintendente da Polícia Federal Chang Fan mostrou-se aberto à proposta. “Estive em Assis há duas semanas verificando o posto de perto e a possibilidade existe. Temos alguns obstáculos e requisitos. Só será possível se tivermos, por exemplo, um local e toda a estrutura disponível. Mas creio que com a articulação do Leo e do governo isso possa acontecer”, explica Fan.

A antiga sede do Banco do Brasil no município foi uma sugestão de local possível para abrigar o novo posto alfandegário caso as negociações corram como previsto.

Assessoria

 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.