Em nota, PT pede que seus eleitores votem “conforme suas consciências e convicções” e não declara apoio a ninguém no 2º turno

Por Marcelina Freire

Em nota divulgada na manhã desta sexta-feira, 20, a direção municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) em Rio Branco, sigla do candidato à prefeitura de Rio Branco Daniel Zen, agradeceu os votos recebidos no primeiro turno e abriu mão de apoiar um dos nomes que disputam a prefeitura neste segundo turno. No texto, o partido afirma que os eleitores devem escolher conforme suas convicções.  

“Nesse sentido, a orientação da Direção Municipal do Partido dos Trabalhadores em Rio Branco, Acre, é a de que, nesse segundo turno, cada um de seus filiados e militantes exerça o seu direito de voto conforme suas consciências e convicções pessoais”. Diz um trecho da nota.

A chapa composta por Daniel Zen e Claudio Ezequiel como candidato a vice-prefeito de Rio Branco recebeu apenas 7.121 votos nas eleições do ultimo domingo, 15. “Agradecemos ao nosso candidato a prefeito, Daniel Zen, ao candidato a vice-prefeito, Cláudio Ezequiel e aos nossos candidatos e candidatas a vereador e vereadora, por todo o esforço empenhado nessas eleições. Daniel Zen e Cláudio Ezequiel honraram nossa história e levaram às ruas um projeto de responsabilidade para com nossa cidade e para com as pessoas que nela moram”, diz o texto.

Além da quantidade pequena de votos recebidos na corrida pela prefeitura da capital acreana, o partido não fez nenhum vereador para compor a câmara municipal de Rio Branco.  A direção municipal do PT em na capital disse ainda que o Brasil e o Acre vivem um desgoverno.

“O Brasil vive, atualmente, o drama do desgoverno de Bolsonaro. E, no Acre, não é diferente com o governo Gladson Cameli. Nosso compromisso é de seguir na luta pela construção de um Acre e um Brasil melhor para todos. Foi isso que defendemos para Rio Branco nesta campanha eleitoral”, finalizou.


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.