Pacheco deve se filiar na próxima semana ao PSD como opção para Presidência

A filiação do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), ao PSD deve acontecer na próxima quarta-feira (27) em Brasília. É o início de um processo pelo qual o partido comandado por Gilberto Kassab deseja colocar-se como opção no páreo da disputa pela Presidência da República em 2022. De acordo com um parlamentar do PSD, em conversa com o Congresso em Foco Insider, a filiação de Pacheco visa “a garantia de um espaço” no partido para a disputa presidencial. Mas, ele alerta, a entrada do presidente do Senado é “um passo para isso, não o passo decisivo”. Ou seja: a garantia da presença do nome de Pacheco como opção na urna eletrônica dependerá da evolução dos fatos para o pragmático PSD.

O que, de acordo com esse parlamentar, já está “totalmente descartado” para o PSD é a hipótese de o partido vir a apoiar a reeleição do presidente Jair Bolsonaro. O partido, nesse sentido, está mesmo na linha mais próxima da oposição, como demonstram os comportamentos dos senadores Omar Aziz (PSD-AM) e Otto Alencar (PSD-BA), na CPI da Covid. Ainda segundo esse parlamentar, o apoio a Luiz Inácio Lula da Silva, do PT, é “improvável”. Assim, as chances do PSD estão mais na linha de ter seu próprio candidato ou caminhar no sentido de construção da chamada terceira via.

[Congresso em foco]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.