Elon Musk chega ao Brasil para tratar de Amazônia com governo Bolsonaro

Elon Musk, o homem mais rico do mundo, chegou hoje ao Brasil e desembarcou por volta das 9h no São Paulo Catarina Aeroporto Internacional, na região de São Roque, a 70 km de distância da capital paulista. Na hora do almoço, ele se reuniu com o presidente Jair Bolsonaro (PL) em um hotel fazenda.

Ao lado do magnata, Bolsonaro disse "contar" com a ajuda de Musk para que a "Amazônia seja conhecida por todos" e para, segundo ele, combater supostas informações inverídicas sobre a região no Brasil e no exterior.

"Nós pretendemos, precisamos e contamos com Elon Musk para que a Amazônia seja conhecida por todos no Brasil e no mundo, a exuberância dessa região e como ela é preservada", declarou Bolsonaro a Musk, em evento realizado no hotel Fasano Boa Vista, em Porto Feliz (SP).

Durante o encontro foi anunciada uma parceria com a Starlink, empresa que faz parte da SpaceX (companhia espacial) e oferece internet banda larga via satélite. Essa estrutura, segundo Elon Musk, será usada para monitorar a floresta amazônica e oferecer internet para 19 mil escolas em áreas rurais.

Além do ministro das Comunicações, Fábio Faria, outros políticos e empresários ministros e empresários também foram convidados para o almoço, segundo apurou o UOL.

Até a confirmação de Faria, ontem, a reunião era mantida em sigilo pelo Palácio do Planalto, mas já havia indícios do provável assunto do encontro entre Musk e Bolsonaro.

Em abril, o governador do Amazonas, Wilson Lima (União Brasil), disse no Twitter que o bilionário "demonstrou interesse em trazer a SpaceX para cá e vamos trabalhar para consolidar esse negócio".

A SpaceX fabrica sistemas aeroespaciais, transporte espacial e comunicações. Dentro da empresa, há o projeto Starlink para desenvolver satélites de baixo custo para integrar sistemas de internet.

 

[Uol]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.