Mais de 80 equipamentos médico-hospitalares são entregues para unidade mista de Assis Brasil

Camas hospitalares, estetoscópios, respiradores para pacientes com Covid-19 e um aporte R$ 120 mil  para os abrigos de imigrantes foram entregues pelo governo do Estado, nesta sexta-feira

De ascendência croata, Yasmaia Poliana Gvozdanovic da Silva se mudou de Rondônia para Assis Brasil há dez anos, para terminar um trabalho de conclusão de curso sobre a leishmaniose, a popular “ferida braba”, bastante comum na região. Nunca mais voltou e hoje é uma das duas biomédicas do município, localizado a 310 quilômetros de Rio Branco, na fronteira com a cidade de Iñapary, no Peru.

Nesta sexta-feira, 14, ela e os colegas de trabalho chegaram cedo à Unidade Mista de Saúde da cidade, juntando-se à equipe plantonista que já estava lá, para participar da cerimônia de entrega de novos equipamentos e insumos.

Numa de suas maiores ações de valorização da Saúde na região do Alto Acre, o Governo do Estado do Acre entregou, nesta sexta, 14, pelo menos 84 equipamentos médico-hospitalares, entre camas para pacientes, mesas de cabeceira, escadinhas de dois degraus, suportes de macas fixas, esfigmomanômetros (aparelhos para aferir pressão arterial), laringoscópicos e respiradores portáteis para pacientes com Covid-19.

O vice-governador, Major Rocha, participou da cerimônia ao lado de Marília Carvalho, assessora do Centro de Operações para Emergências Covid-19, que representou o secretário de Saúde do Estado do Acre, Alysson Bestene.

“Viemos entregar esses equipamentos, mas também agradecer a todos os nossos servidores da Saúde pelo esforço, pelo empenho, pela dedicação com que vêm cuidando das pessoas, nesta pandemia de Covid-19”, acenou Rocha, diante de enfermeiros, técnicos de enfermagem, assistentes sociais, técnicos de laboratórios e gestores da Saúde em Assis Brasil.

Para o vice-governador, o setor no estado tem muito o que avançar. “Estamos ainda atravessando momentos difíceis. Mas numa comparação [da situação da pandemia] com outros estados, passamos a ter os menores índices de óbitos e ações muito bem elaboradas para conter o avanço da doença”.

“Venho aqui em nome do governador Gladson Cameli trazer o seu abraço a esse povo querido de Assis Brasil e falar também que não temos dúvidas de que isso tudo se deve ao trabalho de cada um de vocês, os nossos servidores da Saúde”, completou Major Rocha, ao lado do prefeito de Assis Brasil, Antonio Barbosa de Souza, o Zum, e de secretários estaduais e municipais de várias outras pastas.

Além dos novos investimentos na Saúde, o Governo do Estado do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Assistência Social, dos Direitos Humanos e de Políticas para as Mulheres (SEASDHM), deixou em Assis Brasil um aporte de R$ 120 mil para a manutenção dos abrigos dos imigrantes que desde fevereiro esperam o Peru abrir suas fronteiras para prosseguirem viagem pelo continente em direção oposta, quando vieram para o Brasil em busca de uma vida melhor.

O prefeito Zum reconhece que os novos equipamentos para a reestruturação da Unidade Mista de Saúde de Assis Brasil é uma das melhores ações já empreendidas pelo estado em favor dos profissionais de Saúde do município e agradeceu ao governo Gladson Cameli.

“Nós temos ainda algumas dificuldades em vários segmentos da administração pública, mas posso afirmar que estamos sendo atendidos com muita presteza, em todas as ações desse novo governo. Seja nos ajudando com o abrigo, seja valorizando os nossos trabalhadores. E nós, da gestão municipal de Assis Brasil, somos muito gratos por isso”, ressaltou Antonio Barbosa Zum.

Entre os equipamentos que foram entregues à Unidade Mista de Saúde de Assis Brasil estão 14 camas Fowler, 11 mesas de cabeceira, 10 escadas de dois degraus, 14 suportes de maca fixa, um aspirador de secreções, 15 esfigmomanômetros, 2 otoscópios, 10 estetoscópios, 2 laringoscópicos, 5 hampers e mais um respirador portátil para pacientes com Covid-19, somando-se a um  aparelho já entregue.

Marília Carvalho, que representou o secretário de Saúde Alysson Bestene, disse que o reaparelhamento da Unidade Mista de Saúde de Assis Brasil é uma das ações da Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), de reconhecimento das necessidades dos servidores da pasta. “Esse é um compromisso do nosso secretário Alysson Bestene, que se preocupa em atender às demandas de todas as comunidades, como desejam o governador Gladson Cameli e o nosso vice-governador Major Rocha”, pontuou a representante da Sesacre.

 

Agência

 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.