Na Europa, Gladson ignora greve da Saúde e fala de parcerias em prol do Meio Ambiente

Por Wanglézio Braga

O governador Gladson Cameli, do PP, está na Europa. Por lá, ele cumpre agenda na Alemanha com o Banco KFW e reúne com chefe da Divisão de Agricultura e Recursos Naturais, Jens Mackensen, com o gerente de projetos REDD Early Movers (REM) no Acre e Mato Grosso, Klaus Kohnlein, e com o economista para REDD+, do Centro de Competência, Infraestrutura e Recursos Naturais, Johannes Berline e a com a assessora do REDD Early Movers, Ute Sonntag.

“Aqui na Alemanha estamos algumas horas a frente do Acre. Vim pessoalmente para reafirmar as parcerias com o KFW e reiterar a importância do Programa REM no estado do Acre para redução de emissões por desmatamento e degradação florestal”, escreveu hoje (11) em sua rede social.

Completando dois dias de greve deflagrada por servidores da Saúde, o Governador evitou comentar sobre o assunto em rede social. No seu perfil, inúmeros seguidores pediram um posicionamento do executivo ou interferência junto ao vice-governador, Major Rocha, que assumiu interinamente o comando do estado. Porém, Gladson preferiu o silêncio.

“Obrigado a todos os representantes do KFW, que nos deram a oportunidade de apresentarmos a realidade sobre desmatamento e queimadas na Amazônia, especificamente no Acre, e a verdadeira política de desenvolvimento econômico apresentada pelo nosso governo, que trabalha pautado no respeito ao novo Código Florestal Brasileiro, e acima de tudo em promover progresso com sustentabilidade para região amazônica e dignidade aos indígenas, ribeirinhos, seringueiro, incluindo todos os milhares de habitantes das nossas florestas”, escreveu direcionando sua fala a agenda Ambiental.


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.