“Só o tempo dirá se influenciará ou não a nossa pré-candidatura”, diz Minoru sobre Rocha no PSL

Por Wanglézio Braga

A troca de partido do vice-governador do Acre, Wherles Rocha, do PSDB para o PSL continua sendo um dos assuntos mais comentados nos bastidores da política acreana. Para muitos líderes essa debandada é vista como positiva. Já para outros, sobram infinitas indagações. Questionado pelo portal O Rio Branco, o pré-candidato a prefeito de Rio Branco pelo PSDB, Minoru Kinpara (PSDB), diz que só o tempo dirá se tal mudança vai influenciar no projeto dos tucanos rumo às eleições de 2020.

Minoru evitou lançar mais combustível nesse “incêndio político”. Ele disse que recebeu como muita naturalidade a escolha feita por Wherles Rocha de ter como nova casa o PSL que já foi reduto do presidente da república, Jair Bolsonaro. Está na história que foi justamente o vice-governador que levou para o ninho tucano, o ex-reitor da Universidade Federal do Acre (UFAC). Minoru teve boa aceita nas eleições de 2018, quando foi candidato a senador da república pela Rede Sustentabilidade.

“Recebi com naturalidade, pois o vice-governador já havia me dito que tinha uma relação muito boa com o Luciano Bivar, Presidente Nacional do PSL, construída desde a época em que ele, o Major Rocha, foi deputado federal e que já tinha recebido um convite do mesmo para se filiar a sigla”, comentou.

A nossa reportagem questionou se tal mudança não atrapalharia nos projetos originais dos tucanos e Minoru foi enfático ao dizer “Foi uma decisão pessoal do Rocha. Só o tempo dirá se isso irá ou não influência na nossa pré-candidatura”.  

A filiação de Wherles Rocha no PSL foi realizada na última quinta-feira (02). Na cerimônia, estava presente o ex-comandante-geral da PM, Ulysses Araújo, também Pedro Valério que é presidente da sigla no Acre e o presidente nacional da agremiação Júnior Bonzelli (PSL-SP). O deputado da Assembleia Legislativa do Acre (ALEAC), Luiz Gonzaga, também esteve no recinto.

Em sua fala, Rocha afirmou veemente: “Não estou vindo para cá para fazer do PSL um puxadinho do PSDB. Eu estou saindo do PSDB! (...) Não foi ontem que surgiu meu interesse pelo PSL. Tive desgastes dentro do PSDB contra a turma que queria que o partido fizesse parte do governo Temer, como chegou a acontecer, eu pedi a expulsão do Aécio Neves. Por isso, procurei um partido que tivesse afinidade, que tivesse os mesmos ideais”.


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.