No Paraná, Sinhasique volta a defender os “Dinos” no Acre e ressuscita polêmica

Por Wanglézio Braga

Participando de um evento de Turismo em Foz do Iguaçu (PR), a atual Secretária de Empreendedorismo e Turismo do Governo Gladson Cameli (PP), Eliane Sinhasique voltou a falar da importância dos “dinossauros” para o turismo. Em uma postagem realizada hoje (03), Sinhasique mostrou a réplica de um pré-histórico e ressuscitou uma polêmica que ganhou grande repercussão num passado recente: Plácido de Castro em cima de um Dinossauro.

Num vídeo de pouco menos de 2 minutos, a Secretária mostrou que no Festival das Cataratas, histórias e atividades que envolvam temas com os “Dinos” são bem recebidas pelos turistas, ou seja, que aquece o setor. O evento que ocorre no Paraná reúne inúmeros secretários e empresas ligadas à área.

“Olha só o que tem aqui em Foz do Iguaçu que reúne turistas pra caramba! Conhece? São os dinossauros, gente! O Dreams Park Show é um parque de dinossauros incrível, enorme, com vários tipos de dinossauros que atrai multidões para o estado do Paraná e para o município de Foz do Iguaçu. Aqui dentro da feira tem uma réplica de um Dino”, disse.

Na gravação, Sinhasique tenta ressuscitar uma polêmica de um passado recente que movimento os mais diferentes grupos do estado, quando lançou uma enquete sobre a construção de um pórtico de entrada do território acreano, na BR-364, tendo como Plácido de Castro montado no Dinossauro no lugar de um cavalo. À época, o assunto ficou um dos mais comentados nas redes sociais.

“Não posso deixar de dizer que quantas pessoas não vão parar em nosso portal de entrada da cidade para tirar uma foto com o Plácido de Castro montado em seu cavalo! Será que um dinossauro não faria mais efeito? Fica a pergunta!”, acrescentou. 

 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.