Mais de 2 mil litros de cachaça que seriam entregues em Feijó ficaram retidas na PRF de RO

Por Wanglézio Braga

Se depender da Polícia Rodoviária Federal (PRF) não será dessa vez que os consumidores e apreciadores de cachaça vão tomar o “líquido precioso” em uma cidade do interior acreano. É que na semana passada, durante inspeção de rotina, agentes da PRF em Vilhena (RO) apreenderam 400 caixas de cachaça que seriam entregues em Feijó.

A carga avaliada em R$ 20 mil reais ficou retida no ponto de fiscalização da cidade rondoniense porque o transporte da mercadoria estava irregular, sem nota. O material estava escondido no meio de uma carga de cimento. A PRF contabilizou 2.400 litros de cachaça.

Durante a abordagem policial, os agentes questionaram ao motorista o motivo do material estar sem notas e escondidos em meio a sacas de cimento. O nome do responsável pelo transporte não foi divulgado, mas ele foi autuado no rigor da lei. O material foi entregue à Secretaria de Fazenda do estado para tomada das providências cabíveis.

Segundo a PRF é comum esse tipo de conduta na BR-364. A estrada é conhecida, pelos agentes, como o “caminho do pó”, onde traficantes da região buscam as drogas nos países vizinhos – Peru e Bolívia- e passam pelo Acre e seguem até Rondônia. Inúmeras apreensões e prisões foram efetuadas nos últimos meses. Um caso recente, um casal foi preso após buscar no Acre alguns quilos de maconha. Eles esconderam o material no compartimento de uma motocicleta.

 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.