Visitante é presa ao tentar entrar com drogas em presídio de Tarauacá

Agentes Penitenciários da Unidade Penitenciária Moacir Prado, em Tarauacá, deram voz de prisão a mais uma visitante que tentava entrar com material ilícito durante a visita desta terça-feira, 26. A visitante Luciene Coste de Luceno portava uma barra de uma substância aparentando ser maconha, com peso aproximado de 46 gramas, além de um pacote de tabaco.

Luciene Coste foi surpreendida na portaria do presídio durante o procedimento de entrada. De acordo com a equipe de plantão, por volta das 07h40, foi repassado, via Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), que uma mulher por nome de Luciene, alcunha “Bibi Perigosa”, usando camisa azul e short jeans entraria no presídio com uma quantidade significativa de drogas.

Diante das informações, as agentes penitenciárias fizeram revista na suspeita e encontraram com a mesma um invólucro de um material análogo a maconha e um pacote de tabaco.

A mulher recebeu voz de prisão e foi encaminhada à Delegacia do município para os procedimentos de costume. O Diretor do presídio, Claudecir Sousa, informou que um procedimento administrativo será aberto para investigar qual seria o destino do entorpecente.

 

 

Elenilson Oliveira – Ascom/Iapen


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.