MPAC e Polícia Militar deflagram Operação Red Card

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), por meio do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco), em conjunto com a Polícia Militar do Estado do Acre, deflagrou, nas primeiras horas desta sexta-feira, 25, a Operação “Red Card” com o cumprimento de seis mandados judiciais expedidos pela Vara de Delitos de Organização Criminosa.

A Operação“Red Card” tem como objetivo desarticular o núcleo de uma organização criminosa com origem no Rio de Janeiro e atuação no estado do Acre que vinha se fortalecendo através da aquisição de armas de fogo e do tráfico de drogas.

Evidências digitais encontradas em operações anteriores demonstraram que os investigados possuíam forte atuação dentro da organização criminosa e vinham atuando ativamente no confronto entre facções no Acre.

Operação “Red Card”

O nome da Operação Red Card ( cartão vermelho) denota o objetivo dos trabalhos: retirar de circulação criminosos que vinham causando intranquilidade no seio social.

 

[Agência de Notícias do MPAC]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.