Médico é preso em flagrante suspeito de estuprar adolescente de 13 anos em Salvador

Um médico clínico de 38 anos foi preso em flagrante, suspeito de estuprar uma adolescente de 13 anos em Salvador, na noite de quarta-feira (18). Uma jovem de 18 anos, que levou a menor de idade ao encontro dele, também foi detida.

Policiais estavam nas ruas em uma operação de combate a roubo de carros. Quando as equipes chegaram no Horto Florestal, perceberam um movimento suspeito dentro de um carro, estacionado em frente a uma clínica.

Os policiais fizeram a abordagem e encontraram o médico e a vítima sem roupa. A jovem de 18 anos, que supostamente era amiga dessa adolescente, também estava no veículo. A polícia detalhou que ela foi a responsável por levar a adolescente para o encontro com o homem.

De acordo com a polícia, o médico identificado como Everton de Jesus Rodrigues já foi interrogado e segue detido na Delegacia de Repressão a Furto e Roubo de Veículos (DRFRV), onde o caso foi registrado. A mulher também foi ouvida e levada para a Delegacia de Repressão aos Crimes Contra a Criança e o Adolescente (Dercca).

A polícia não deu detalhes sobre os depoimentos dos dois. O médico deverá responder por estupro de vulnerável e a mulher por corrupção de menor. Não há detalhes sobre o estado da adolescente, que também foi levada ao Dercca para passar por acolhimento psicossocial.

g1 ainda não conseguiu contato com a defesa dos dois presos. O médico atende em Salvador e também em Alagoinhas, que fica a cerca de 120 km da capital.

[Globo.com]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.