Polícia Civil cumpre mandados e prende acusados de matar família boliviana no Abunã

Ascom/Polícia Civil

O trabalho investigativo da Polícia Judiciária do Acre resultou na instauração de inquérito para apurar os envolvidos em diversos crimes cometidos contra uma família boliviana em Cobija, cidade que faz fronteira com o Brasil. Foi possível prender cinco pessoas na manhã desta sexta-feira, 16, em cumprimento a ordens judiciais.

As prisões ocorreram na zona rural do município de Acrelândia, distante cerca de 110km da capital, por força de mandados de prisão cumpridos pelas equipes da Delegacia do município com apoio do Departamento de Policia Civil da Capital e do Interior (DPCI) e da Coordenação de Recursos Especiais (Core). 

Os crimes ocorreram em 13 de setembro e o inquérito aponta que uma garota de 13 anos foi vítima de estupro e três pessoas da mesma família foram assassinadas por um brasileiro de Acrelândia/AC que extraía madeira na propriedade onde a família morava, em Cobija, na Bolívia.  O pai da vítima chegou a flagrar o abuso sexual quando retornava da lavoura.

Inicialmente dois homens foram presos em flagrante no dia seguinte ao cometimento do crime, mas um deles acabou sendo solto e o outro foi levado ao presídio de Rio Branco onde aguarda a conclusão do inquérito.

Apesar de os brasileiros terem cometido o crime em território boliviano, a investigação e o julgamento dos envolvidos nos crimes ocorrerão no Acre por ser o local da captura. Eles deverão ser indiciados por homicídio, estupro e ocultação de cadáver.


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.