Jovem dentista é encontrado morto e suspeito é flagrado com dedo indicador dele e dinheiro em espécie

Um dentista de 24 anos foi encontrado morto em Fraiburgo, no Oeste catarinense. Com o suspeito, que estava com o carro da vítima, a Polícia Militar encontrou o dedo indicador decepado do jovem e mais de R$ 5 mil em dinheiro. Os policiais investigam se a mutilação ocorreu para que o criminoso pudesse sacar a quantia.

O dentista foi encontrado morto na manhã de sexta-feira (16). Ele foi identificado como Rafael Caranhato, segundo a PM.

Crime

A vítima foi encontrada depois que colegas sentiram a falta de Rafael no trabalho e chamaram a polícia, por volta das 10h.

No prédio onde ele morava, os amigos encontraram o apartamento fechado e a garagem vazia. O sargento da PM Izaías Lemos contou que os colegas entraram no apartamento e encontraram o corpo do jovem embaixo de cobertas.

"Ele nunca faltava ao serviço. O pessoal do serviço deu falta dele, foram na residência e estava chaveada, e o carro dele não estava na garagem. Entraram em contato com o síndico, e, quando entraram no apartamento, ele [vítima] estava coberto com umas cobertas", relatou o sargento.

Com a placa do veículo, a Polícia Militar e a Polícia Civil foram atrás do suspeito, que foi encontrado passando por Ibirama, no Vale do Itajaí. A cidade fica a cerca de 190 quilômetros de Fraiburgo.

Conforme a PM, o criminoso tem 22 anos, é natural de Fraiburgo e morava em Rio do Sul. no Vale do Itajaí. Ele dirigia o veículo da vítima, onde estavam pertences pessoais de Rafael, a faca que foi utilizada no crime e um dedo indicador do jovem.

Amigos lamentam morte

Nas redes sociais, amigos lamentaram a morte do dentista. "Tá doendo tanto! Vai com Deus, Rafael Caranhato. Só tenho a agradecer por ter te conhecido nessa vida. Eu te amo pra todo sempre! Nossa estrelinha", escreveu uma amiga.

O jovem, que era natural de Maximiliano de Almeida, no Rio Grande do Sul, compartilhava nas redes sociais a paixão pela música.

"Rafa, Deus está contigo neste momento, nosso cantor, nosso amigo, nosso sempre dentista! Um menino iluminado", escreveu outra pessoa nas redes sociais.

 

[G1]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.