Gato enfurecido invade cabine de avião em pleno voo, e piloto faz pouso de emergência

Pet é Pop

Passageiros de um avião com destino à Doha, capital do Catar, tiveram que retornar ao aeroporto de origem depois que um gato causou um pouso de emergência.

Após quase meia hora da decolagem do Aeroporto Internacional de Cartum, na capital do Sudão, um passageiro inesperado entrou na cabine e começou a atacar os pilotos.

O gato furioso, que claramente não era um fã de voar, lançou ataques contra toda a tripulação. Quando todos falharam em controlar o gato, o piloto desistiu e decidiu fazer um pouso de emergência, conforme relatado pela jornal local Al-Sudani.

Enquanto todos pousaram em segurança e ninguém se feriu, ainda não está claro como o gato feroz entrou na cabine. A partir de agora, presume-se que ele entrou furtivamente no voo de passageiros enquanto a tripulação poderia ter aberto o avião para limpeza ou durante a revisão de engenharia.

De acordo com relatórios locais, a aeronave estava estacionada em um hangar no aeroporto de Cartum e presume-se que o gato tenha entrado sorrateiramente na aeronave naquele hangar.

 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.