Situação precária e calamitosa das ruas de Tarauacá gera investigação pelo MP

Por Wanglézio Braga

O promotor de justiça do Ministério Público do Acre (MPAC), Flávio Líbera, vai investigar a Prefeitura de Tarauacá por um motivo que a população vem sentindo na pele ao andar pelas ruas d acidade: A situação precária e calamitosa das vias. Uma portaria publicada na edição de hoje (30) no Diário Eletrônico do MP, informou a abertura de Inquérito Civil bem como deu início as primeiras ações do processo contra a gestão de Marilete Vitorino.

No documento, Flávio Líbera considerou que a “precariedade das ruas vem ocasionando inúmeros danos aos munícipes, ante a omissão da gestão municipal quanto à estruturação, drenagem e recapeamento das ruas”.

Ele solicitou junto ao executivo municipal que apresente um plano e cronograma de trabalho para executar a terraplanagem e pavimentação das ruas, com aplicação de revestimento asfáltico em concreto betuminoso usinado a quente e não apenas aplicação de “lama asfáltica”.

O promotor exige ainda que a prefeita preste informações acerca de calçamento das ruas, meio-fio, linha d’água, drenagem pluvial e esgotamento sanitário, informando a realização dos serviços definitivos do asfaltamento das ruas indicadas.

Na portaria, o promotor considerou ainda “a justa expectativa da sociedade de uma eficiente, espontânea, integral defesa dos mesmos interesses, notadamente os relacionados com a probidade administrativa, e a proteção do patrimônio público e social”. 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.