Governador anuncia investimento de R$ 5 ,9 milhões em armas para combater violência

Antonio Muniz

Em coletiva na tarde desta segunda-feira (27), no Palácio Rio Branco, o governador Gladson Cameli afirmou que trabalha para estruturar as polícias Civil e Militar. Cameli anunciou a compra de R$ 5, 9 milhões  em armas para reforçar o arsenal das duas corporações.

O governador estava acompanhado do secretário de Justiça e Segurança Pública, coronel-PM Paulo Cézar; do chefe da Casa Civil, Ribamar Trindade e outros secretários.

 Ele também frisou que enviará projeto de lei à Aleac para que os policiais que estão afastados das funções, prestando serviços em outros órgãos voltem de imediato ás ruas para oferecer mais segurança à população.

“Segurança tem problema, e é um problema que não foi criado ontem. Nós estamos reestruturando toda Segurança do Estado. Não estamos de braços cruzados. Estamos comprando armamento, equipamentos de inteligência”, afirmou o governador.

 Na coletiva, o secretário de Justiça e Segurança pública do Acre, coronel Paulo Cézar, rebateu o anseio da população acreana pela presença da Força Nacional no Acre, atuando diretamente contra o crime organizado.

“A Força Nacional é uma falácia do governo federal”, afirmou o secretário. Ele usou a presença de 64 agentes da Força Nacional que já estão no Acre, para justificar sua afirmação. E acrescentou: “Tem 32 em Plácido e 32 em Assis Brasil. Ficam dois homens em serviço. Tem dois lá e não fazem nada”, disparou.

 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.