No aniversário de Sena, Cameli recebe terreno para o Colégio Militar e manifesta carinho pela população

Governador participou das celebrações de 115 anos de Sena Madureira, nesta quarta, anunciando novos investimentos em educação e infraestrutura para a região

Foi uma festa para ficar na história de Sena Madureira, a celebração dos 115 anos de fundação do município, no final da tarde desta quarta-feira, 25, na avenida Avelino Chaves, centro da cidade. Ao lado do prefeito Mazinho Serafim e de vereadores e secretários estaduais e municipais, o governador Gladson Cameli protagonizou uma das maiores demonstrações de respeito e carinho com a população local, ao anunciar novos investimentos em educação e infraestrutura para a região.

O município se prepara para ganhar o primeiro Colégio Militar administrado pelo Exército Brasileiro, a ser construído pelo Governo do Estado numa obra orçada entre 6 e 8 milhões de reais e que encontra-se na fase de preparação para o processo licitatório.

Nesta quarta, antes mesmo do início do tradicional desfile das Forças de Segurança e das escolas, e num gesto de nobreza com as novas gerações, o comerciante Nelson Ferreira da Silva doou um terreno de 10 mil metros quadrados na rua Siqueira Campos, especialmente para a construção do novo colégio. “Quero fazer a minha parte que não é mais que minha obrigação para com o futuro de uma parcela de nossas crianças”, disse o comerciante. Participaram da cerimônia, educadores da rede pública estadual e o secretário de Estado de Educação, Mauro Sérgio da Cruz.

Na esteira do desenvolvimento local, o governador também anunciou para 2020 que o Estado incentivará o fortalecimento da ExpoSena, a festa agropecuária criada para movimentar a economia de Sena Madureira e dos municípios de Santa Rosa do Purus e Manoel Urbano, e que a partir do próximo ano se tornará ‘ExpoAcre Sena Madureira’. A ideia é atrair novos investidores, inclusive de outros estados que ainda não conhecem a feira.

“Pelo amor que eu tenho a essa terra e pela memória do meu tio Orleir [Cameli], eu vou fazer o que precisar para que vocês possam desfrutar do desenvolvimento econômico e social que tantos sonhamos”, ressaltou Gladson Cameli, citando ações que já estão sendo colocadas em prática, como a instalação dos comandos integrados de segurança e a chegada em breve de novas viaturas policiais para Sena Madureira.

O município tem um apreço especial pela família Cameli, cuja gratidão tornou-se ainda maior quando em 1997 a cidade passou por uma de suas piores enchentes. Na ocasião, suas casas, praças, comércios e prédios foram reconstruídos, praticamente do zero, com investimentos da administração do então governador Orleir Cameli, tio de Gladson Cameli, já falecido.

“Esta é uma terra que sempre me recebeu de braços abertos e que contribuiu para meu sonho de ser governador. E tenho muito orgulho de encontrar aqui pessoas simples e trabalhadoras. São esses mesmos homens e mulheres que mantenho os laços de afeto e de compromisso, desde que meu tio Orleir Cameli, quando governou o Acre, adotou Sena Madureira como uma de suas casas”, destacou Gladson Cameli para uma plateia de donas de casa, trabalhadores rurais, servidores públicos e autônomos que prestigiaram a cerimônia do desfile.

Colégio militar ratifica tradição de boas escolas no município

O prefeito de Sena Madureira, Mazinho Serafim, demonstrou satisfação em receber o anúncio de uma escola militar nos moldes das já existentes em Rio Branco e em Cruzeiro do Sul, porém sendo administrada pelo Exército Brasileiro.

“Saltamos da condição de 5° lugar no Ideb [Índice da Educação Básica] para a segunda posição entre os 22 municípios acreanos, o que mostra o comprometimento dos nossos educadores com os seus estudantes. E o Colégio Militar será outra instituição fundamental para a nossa população”, avalia Mazinho Serafim.

Sentimento parecido compartilha o secretário de Educação, Mauro Sérgio da Cruz. “A cidade que foi a primeira capital do Acre é conhecida também por sua tradição no campo da Educação, com o Instituto Santa Juliana”, diz o secretário, que segundo ele, “já compõe um espaço de referência para toda a cidade, em educação de qualidade”.

Sérgio da Cruz agradeceu ao gesto do comerciante Nelson da Silva, de doar o terreno para que seja construído o novo colégio, classificando-o como “honroso e digno dos maiores legados que um coração nobre pode oferecer” para o engrandecimento da sua comunidade.

Gratidão por um socorro aéreo

O transporte aéreo emergencial providenciado pelo Governo do Estado a uma jovem de Sena Madureira acometida por uma doença grave nos rins e no fígado foi um dos pontos também ressaltados pelo prefeito Mazinho Serafim, em agradecimento ao governador Gladson Cameli.

“O avião salvou, mais uma vez, uma vida e o governador nos deu um presente muito maior que qualquer outro, que é a saúde de uma pessoa”, agradeceu Serafim, emocionado.

A decisão do Governo do Estado de contratar serviços aeronáuticos com a finalidade de socorro médico, tão criticada por pessoas que desconheciam o seu real objetivo, mais uma vez mostrou a sua eficiência ao permitir que a jovem de 23 anos fosse transportada às pressas para um hospital especializado em Fortaleza (CE), semana passada.

 

Agência 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.