Carro fica ‘entalado’ após cair na obra da Ponte do Madeira, no Abunã

Por Wanglézio Braga / Foto: Reprodução

A ponte do Abunã que vai ligar definitivamente o Estado do Acre ao Brasil, via terrestre, não foi nem inaugurada e já registrou o primeiro acidente automobilístico. Nesta terça-feira (19), os homens que trabalham na obra foram surpreendidos ao avistar um automóvel modelo Fiat Strada colidir contra uma viga de concreto. Apesar do incidente, houve vítima fatal ou ferida.

Segundo relatou a imprensa rondoniense, o acidente aconteceu por volta das 5 horas da madrugada. O motorista saiu do local após o choque do carro contra a ponte e retornou somente mais tarde, próximo ao meio-dia. Porém, com o uso de um guindaste, os funcionários da empresa que trabalham na obra já tinham retirado o carro do local. O motorista alegou que perdeu o controle da direção e não teria visto a sinalização existente na obra.

Segundo os trabalhadores da empresa responsável pela obra, o motorista não foi submetido ao teste de bafômetro porque saiu antes da chegada da Polícia Militar de Rondônia. A estrutura da ponte não foi danificada. O nome do motorista não foi revelado. 

A obra iniciou no governo Dilma Rousseff (PT), seguiu na gestão de Michel Temer (MDB) e continua inacabada no governo Bolsonaro (Sem partido). A ponte do rio Madeira tinha previsão de término no mês de dezembro do ano passado, mas agora o prazo é até o final de março de 2021.


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.