Desembargador Jorge Araken morre vítima da Covid-19

Nota de Pesar

A ACADEMIA ACREANA DE LETRAS, AAL,  vem a público, com profundo pesar, comunicar o falecimento de nosso Decano imortal DR. JORGE ARAKEN FARIA DA SILVA, aos 84 anos, vitima do covid-19. Ele um carioca nascido no então Estado da Guanabara, hoje Rio de Janeiro. Filho de Anacleto Rodrigues da Silva Junior e Anna Faria da Silva.

Formado em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade Nacional de Direito da Universidade do Brasil, hoje UFRJ. Ingressou na magistratura, no Acre, no ano de 1963, no cargo de juiz substituto temporário. Fez concurso e foi nomeado Juiz de Direito da Comarca de Cruzeiro do Sul, sendo o primeiro juiz daquela comarca.

Em 1966 foi promovido a Juiz de Direito de 2ª Entrância, com exercício na Comarca de Rio Branco. Foi Corregedor-Geral de Justiça, Juiz Eleitoral, Vice-Presidente do Tribunal de Justiça, Juiz Corregedor Regional, Vice-Presidente e Presidente do Colendo TRE, Presidente do TJAC,Desembargador, professor do Curso de Direito da UFAC, advogado.

Membro das seguintes instituições: Academia Acreana de Letras (Decano), Instituto Histórico e Geográfico do Acre, Instituto de Magistrados do Brasil, Instituto de Direto Comparado Luso-Brasileiro, Instituto de Direito Comparado Brasil-Japão. Cidadão Feijoense, cidadão Riobranquense, cidadão Cruzeirense, Cidadão acreano.

Deixe imenso legado jurídico-literário e a sublime lição de ser ESTUDANTE, amante dos livros e das letras que o fizeram um dos homens mais cultos do Acre. Deixa-nos um vazio nos nossos corações e uma eterna saudade. O Sodalício da AAL está enlutado.


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.