Belo e Gracyanne Barbosa recebem ordem de despejo da Justiça

Belo e Gracyanne Barbosa podem estar em um momento extremamente delicado de suas vidas: o casal teria recebido uma ordem de despejo decretada pela Justiça. O motivo? Eles estariam com inúmeros atrasos da mensalidade do aluguel na residência em que vivem atualmente. As informações são da colunista Fábia Oliveira, do portal Em Off.

Vale lembrar que não é a primeira vez que o casal sofre com isso, pois já receberam uma ordem de despejo no ano de 2013. Atualmente, eles estão morando na Zona Oeste do Rio de Janeiro, e, segundo a publicação, o juízo acatou o pedido da liminar do proprietário da casa para que o contrato seja rescindido.

De acordo com a colunista, Belo e Gracyanne ainda foram obrigados a pagar os aluguéis atrasados, além de outras contas que precisam ser debitadas, tais como IPTU’S e contas de consumo atrasadas. O valor total está em R$ 221.159,86, que deve vir a ser corrigido e acrescido de juros da mora desde novembro de 2020.

Também deve ser acrescido o valor da multa de rescisão do contrato com o proprietário, cujo valor está em R$ 46.139,85. Todavia, a Justiça ordenou que fosse abatido desse montante o valor do depósito caução, estimado em R$ 42.900,00. Também deve ser paga uma indenização por danos morais de R$ 39.667,09.

O contrato de moradia for firmado com a empresa de Belo junto do proprietário, cujo período era de 30 meses com início em 10 de dezembro de 2017. O valor estabelecido pelo aluguel foi de R$ 14.300,00, cujo pagamento deveria ser realizado junto do IPTU, totalizando R$ 16.000,00.

FATURAMENTO BLOQUEADO POR DÍVIDA COM DENILSON

Já é antigo o caso da dívida que Belo possui com o ex-jogador e comentarista Denilson, e apesar de muitas cobranças e declarações, o artista nunca chegou a quitá-la, gerando sempre muitas polêmicas em relação ao assunto.

Porém, de acordo com Diego Garcia, colunista do UOL Esporte, a Justiça de São Paulo agiu e determinou que fosse feito um depósito judicial de pouco mais de R$ 7 milhões que iriam para Belo, dinheiro originado de um show a ser realizado no mês de agosto, no Pacaembu, ao lado de Thiaguinho.

A decisão foi publicada pela 5ª Vara Cível o foro de São Bernardo na terça-feira, 19 de julho, pedindo o envio de ofícios às empresas que vendem entradas para o show em questão, que deve acontecer no dia 20 de agosto. Apesar de o valor final de arrecadação só poder ser descoberto na data do show, o limite de R$ 7 milhões foi imposto pela parte de Belo.

O advogado de Belo afirmou à coluna que entrou com recurso por considerar o valor da quantia irregular, e que isso está sob revisão do tribunal. Ainda, afirmou que apenas os valores destinados com cachê do cantor estão bloqueados, e não da receita bruta do evento.

A briga entre Belo e Denilson se iniciou quando Belo deixou o grupo de pagode Soweto para seguir carreira solo. O ex-jogador gerenciava a banda, e processou o artista por quebra de contrato, e Belo foi condenado a pagar uma indenização, que atualmente supera o valor de R$ 7 milhões.

 

[O Fuxico]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.