Luciano Szafir relembra quando soube que seria intubado: "Angustiante"

Luciano Szafir já está curado da Covid-19 depois de ter passado momentos difíceis no hospital, quando estava intubado. Em entrevista ao jornal O Dia nesta quarta-feira (18), o ator relembrou o período em que esteve hospitalizado. "Eu já estava para ter alta, tudo certo, e de repente, tudo desmoronou. Passou muita coisa pela minha cabeça. Me agarrei muito à fé e queria ter pensamentos apenas positivos, mas foi um momento muito angustiante. Não foi fácil", disse.

Essa foi a segunda vez que o pai de Sasha Meneghel foi contaminado. "Na primeira, em fevereiro, foram sintomas leves, a recuperação foi em casa. Na segunda, nos primeiros dias, a sensação foi a mesma: cansaço, tosse, sensação de resfriado", relatou. Quando teve a extubação, conta que sua experiência foi diferente de outras pessoas. "Apesar de sedado, lembro da sensação de engasgo, das vozes da minha irmã e da minha mulher. Sei exatamente o que falavam no ato da intubação, mesmo sedado. Se eu te contar que vivi um looping da sensação 30 vezes?", surpreendeu Luciano.

O medo de Luciano Szafir

Hospitalizado, admitiu que seu maior medo era não conseguir mais ver os filhos, esposa e família. "Lembro que quando cheguei em casa, vi meus dois filhos brincando e fiquei ali, admirando e agradecendo pela chance de estar ali com eles. Ainda estava muito debilitado, mas, mesmo assim, com toda a dificuldade do momento, estava muito grato de sair do hospital com vida e voltar ao convívio da minha família", recordou.

Agora, Luciano está colostomizado e aguarda os médicos marcarem uma cirurgia para a reconstrução do intestino. E faz fisioterapia. "Sinto a melhora a cada dia, mas o caminho é longo. Estou fazendo pela primeira vez terapia. Segundo o médico, é comum entre os pacientes que passaram pelo que passei, um desequilíbrio emocional. Estou fazendo de maneira preventiva. Se o médico manda, eu faço!", garantiu.

[Fonte: Natelinha/Uol]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.