Núbia Oliiver rebate acusação de aliciar mulheres: "Fui enganada"

Núbia Oliiver rebateu acusações de aliciar mulheres em uma rede de prostituição, desbaratado pela Polícia Federal em maio. Em entrevista para o jornalista Roberto Cabrini, a influenciadora digital afirmou que não teve culpa sobre o caso, mas que foi envolvida por causa de um empresário do ramo de cosméticos, que a procurou para que ela fizesse publicidade com mercadorias da empresa.

"Recebi os produtos dele, as meninas também iriam receber. Obviamente, iria ganhar minha comissão. Passei algumas meninas para ele, mas era para maquiagem, ele queria explodir a marca dele. Nosso primeiro contato foi em 2019. Ele me abordou para fazer essa ação. Fui enganada, fui passada para trás, como eu não sabia, executei meu trabalho", disse. 

"Só tive danos, perdi amigos, perdi material fotográfico que eu tinha investido dinheiro, perdi patrocinadores, perdi seguidores. E ter feito minha filha passar por esse constrangimento. Pessoas me bloquearam, não queriam falar comigo, sofri ameaças nas redes sociais: 'vou te matar', 'sua cafetina', 'sua aliciadora'", contou. Núbia começou a ser investigada pelas autoridades em um suposto esquema de exploração sexual de brasileiras. Segundo a polícia, a influenciadora era responsável por encaminhar material fotográfico de outras mulheres e combinar com o agenciador o serviço sexual com cada uma delas. 

[Fonte: Natelinha/Uol]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.