Fátima Bernardes volta a comandar programa após tratamento contra câncer no colo do útero

Estadão

No início de dezembro, Fátima Bernardes revelou que estava com um câncer no colo do útero e precisaria se afastar do programa que apresenta diariamente nas manhãs da TV Globo para se tratar.

Neste domingo, 3, ela publicou no Instagram uma série de fotos em que aparece na praia sozinha, depois com o namorado Túlio Gadêlha, os filhos, os pais e a equipe médica e anunciou que volta a comandar o Encontro com Fátima nesta segunda-feira, 4.

"Chegou a hora de voltar! Muita coisa aconteceu em um mês. Nem sempre o céu esteve azul, mas em todos os dias recebi de perto o carinho dos meus amores, da minha equipe, de amigos; a atenção do meu médico; e, de longe, a energia de todos vocês que me acompanham por aqui. Obrigada do fundo do meu coração. Vamos juntos fazer um 2021 melhor, mais leve! Te espero amanhã, às 10h45", escreveu na legenda das imagens.

A publicação foi comentada por diversas personalidades, como a cantora Ivete Sangalo: "Isso aí, garota! Vem com tudo". A apresentadora do Globo Repórter, Sandra Annenberg, também comemorou: "Eba, que ótima notícia, querida! Volte para alegrar as nossas vidas".

Já Túlio Gadêlha desabafou: "Minha vez de ficar com saudade", escreveu nos comentários da publicação.

 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.