FBI conclui que Bubba Wallace não foi alvo de racismo em corrida da Nascar em Talladega

Na noite desta terça-feira (23), a Nascar divulgou um novo comunicado oficial para informar o resultado da investigação levantada pelo FBI em relação à corda encontrada dentro do paddock ocupado por Bubba Wallace neste final de semana em Talladega Speedway.

Após rápida investigação, o FBI conseguiu levantar evidências comprovando que a corda estava no local há meses. Ou seja, não houve caso de racismo neste final de semana na Nascar.

“O FBI completou a investigação em Talladega Superspeedway e determinou que Bubba Wallace não foi alvo de um crime de ódio. O FBI concluiu, através de evidências fotográficas, que o laço simbolizando enforcamento já estava posicionado no local desde o final do último ano. Obviamente, o objeto estava no local antes de Bubba Wallace e sua equipe ocuparem a garagem neste final de semana. Apreciamos que o FBI agiu rápido na investigação e agradecemos em saber que não houve um ataque racista intencional contra Bubba. Seguimos juntos em promover um bom ambiente para todos aqueles que adoram corrida.”, disse a Nascar em nota oficial.

Antes do resultado ter sido divulgado, a Nascar fez uma homenagem para Bubba Wallace antes da corrida na última segunda-feira (22), com todos os pilotos e suas equipes andando ao lado e atrás do carro de Bubba.

As acusações surgiram no último domingo (21) quando a corda foi avistada no paddock do único piloto negro da categoria. A Nascar havia confirmado o fato cravando que um crime de racismo tinha sido cometido.

Mesmo com a conclusão do FBI, a categoria afirmou que seguirá investigando o caso.

Confira o destaque do nosso canal no YouTube: F1Mania Em Dia 22/06/2020 – Hamilton nos protestos e racismo na NASCAR

r

F1Mania


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.