Saiba o que falta para o técnico Hernán Crespo assinar com o São Paulo

Estadão

São Paulo está muito próximo de anunciar a chegada do argentino Hernán Crespo como novo treinador do time no lugar de Fernando Diniz. Alguns detalhes contratuais ainda impedem a assinatura do contrato, que deve ter duração de dois anos por exigência do próprio treinador. A equipe do Morumbi já tem acerto verbal com Crespo, e os principais pontos do acordo já estão alinhavados.

Alguns termos ainda serão avaliados e ajustados para que o anúncio seja oficializado, porém não devem ser entraves para a finalização das negociações. Os pormenores estão sendo tratados pelo executivo de futebol Rui Costa e membros do departamento jurídico do São Paulo. Ansioso, Crespo, inclusive, pediu rapidez a seus representantes para a oficialização de seu nome como novo técnico. Vai ser também a primeira contratação do presidente Julio Casares.

Uma das principais preocupações da diretoria são-paulina era o interesse da seleção chilena no trabalho do técnico campeão da Copa Sul-Americana. No entanto, na última quarta-feira, o Chile anunciou acerto com o técnico uruguaio Martín Lasarte, aumentando a possibilidade de acerto do argentino com o clube paulista.

Internamente, a expectativa é de que o anúncio da chegada de Hernán Crespo seja feito antes do carnaval, mas nenhuma data é confirmada. O São Paulo tem duas metas: acertar na escolha sem deixar nada passar e fazer muito barulho com a contratação. Essa situação não garante que o ex-técnico do Defensa y Justicia inicie seu trabalho ainda no Campeonato Brasileiro, sendo um dos assuntos ainda a ser tratado com a diretoria tricolor. Na verdade, ele assumiria somente depois do Nacional, uma vez que o São Paulo, apesar das chances matemáticas de ganhar o Brasileirão, tem poucas condições de ficar com a taça. Não depende mais de suas forças.

Hernán Crespo é visto como um técnico que pode reunir os melhores aspectos da equipe deixada por Fernando Diniz e agregar verticalidade e um jogo mais seguro defensivamente. Ele também seria contratado para reformular o futebol do clube ao lado de Muricy Ramalho, o novo coordenador de futebol do clube. Muricy será o braço-direito de Grespo e sua voz com a diretoria e atletas.

Enquanto o argentino não chega, o São Paulo continua sendo comandado pelo interino Marcos Vizolli, que proibiu os jogadores de derem entrevistas após o empate de 1 a 1 com o Ceará. O próximo desafio será contra o Grêmio, em Porto Alegre, no domingo, às 20h30, pela 36.ª rodada do Campeonato Brasileiro.


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.