Barcelona fatura R$ 530 milhões na Champions League

O Barcelona foi o grande vencedor da Champions League. Pelo menos no que diz respeito ao dinheiro que foi destinado ao clube por ter disputado a edição 2018/2019 da competição.

Segundo o relatório de premiação divulgado pela Uefa, o Barça faturou € 117,7 milhões (cerca de R$ 530 milhões) por ter disputado a competição. O segundo que mais ganhou foi curiosamente o campeão Liverpool, que obteve € 111 milhões (R$ 500 mi). Ao todo, a Uefa distribuiu € 1,98 bi aos times.

A diferença entre os dois times, que se enfrentaram na semifinal do torneio, é graças ao histórico do clube nas últimas dez edições do torneio. Por ter um desempenho melhor na década, o Barcelona recebeu € 34,3 milhões. O Liverpool ficou com € 23,3 milhões.

O terceiro colocado em premiação foi o Tottenham, vice-campeão do torneio. Os Spurs arrecadaram € 100 milhões (R$ 450 milhões). Em quarto lugar aparece a Juventus, da Itália, com uma premiação de € 95,6 milhões. O top 5 é completado pelo Manchester United, que recebeu da Uefa € 93,5 milhões.

Além do prêmio aos times que jogaram a Champions League, a Uefa distribuiu uma verba aos times que disputaram a Supercopa. O Atlético de Madri, que havia sido campeão da Europa League, levou € 4,5 milhões por ter levado a melhor na disputa contra o conterrâneo Real Madrid, campeão da Champions League do ano anterior (2017/2018) e que ganhou € 3,5 milhões por ser vice da Supercopa.

 

Máquina do Esporte

 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.