Sistema Fecomércio doa R$ 2,5 milhões em donativos às vítimas de enchentes no Acre

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Acre (Fecomércio), por meio do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) e do Serviço Social do Comércio (Sesc), arrecadou e comprou aproximadamente 10 mil kits com gêneros alimentícios, limpeza, higiene e 2 mil caixas d’água às vítimas das enchentes nos municípios acreanos. As doações foram adquiridas após uma semana de atividades por meio da campanha Sesc Solidário, e estão avaliadas em R$ 2,5 milhões.

Segundo dados da Coordenação do Programa Mesa Brasil Sesc no Acre, responsável pela orientação da a Campanha Sesc Solidário, serão distribuídos, além dos kits, fraldas, roupas e colchões  A distribuição começou nesta quinta-feira 12, nos abrigos e entidades cadastradas.

Serão atendidos os municípios de Rio Branco, Brasiléia, Epitaciolândia, Xapuri, Assis Brasil e Porto Acre, totalizando mais de 50 mil kits. Os gêneros alimentícios adquiridos através da Campanha foram doados pelo Departamento Nacional do Sesc, através do programa Mesa Brasil Sesc.

Segundo a diretora regional do Sesc no Acre, Débora Dantas, este é o momento da instituição se unir em prol dos necessitados “O Sesc, através do seu Departamento Nacional, nos forneceu uma ajuda financeira através do projeto Mesa Brasil para ajudarmos a população do Acre nesse momento tão difícil”, disse a Diretora.

Para o presidente do Sistema Fecomércio no Acre, Leandro Domingos, mais uma vez o sistema dá a sua parcela de contribuição para a sociedade. “A Fecomércio, juntamente com o Sesc e o Senac, sempre busca através de seus projetos ajudar os menos favorecidos e, neste momento tão difícil que vive a população do Acre, não poderíamos ficar de fora”, disse o presidente.

 Sesc Solidário

O Sesc Solidário surgiu em 2008, como forma de ajuda às vítimas das chuvas em Santa Catarina. Desde então, a campanha passou a ser deflagrada em situações emergenciais para arrecadação de donativos. As ações são coordenadas pelo Mesa Brasil Sesc, que mobiliza as empresas parceiras, colaboradores e voluntários em uma grande rede de solidariedade. Contatos e informações do Mesa Brasil do Acre 0800 647 3007???.

[Ascom Fecomércio]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.