Governo e prefeitura atuam com cautela na Operação Volta pra Casa

A vice-governadora Nazaré Araújo esteve reunida nesta sexta-feira, 13, na sala de situação com o prefeito Marcus Alexandre e demais membros da Defesa Civil estadual e municipal, Exército e gestores estaduais. Na pauta da reunião foi discutido o retorno das famílias às suas casas em Rio Branco.

Atualmente, na capital há 15 abrigos onde estão acomodadas 2.204 famílias. Para garantir o retorno delas aos seus lares foi montado um efetivo de 31 veículos grandes, que será ampliado com apoio de caminhões do Exército.

Contudo, a situação ainda exige cautela, tendo em vista que o Rio Acre permanece mais de dois metros acima da cota de transbordamento (14m).

“A avaliação da equipe é que o rio deve permanecer nesse nível e, portanto, só as famílias acima dessa cota estão autorizadas a voltar pra casa”, declarou Marcus Alexandre.

Atenção redobra em Sena Madureira

No interior a atenção também continua, principalmente em Sena Madureira, onde a cota do Rio Iaco continua aumentando.

“Nossa missão é garantir assistência ao município com a presença de equipes de Defesa Civil e Corpo de Bombeiros para auxiliar as famílias, para que nada falte às comunidades nesse momento. As cheias dos nossos rios significam um desafio mas,  junto com a população, com o movimento da solidariedade e do voluntariado vamos vencer”, analisou a vice-governadora Nazaré Araújo.

 

Agência de Notícias do Acre


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.