Defesa Civil monitora alteração no nível dos principais rios do Acre

Após a forte chuva no fim da tarde de quarta-feira, 10, o nível do Rio Juruá, em Cruzeiro do Sul, subiu para 11,50 metros, faltando apenas 30 centímetros para atingir a cota de alerta, que é de 11,80 metros.

Algumas casas do bairro Lagoa foram atingidas com a precipitação do manancial, mas até o momento não foi necessária a retirada de famílias.

“O bairro Lagoa passa por essa situação, por ser uma área de várzea, estando à margem do rio. Sendo assim, qualquer alteração no nível das águas atinge algumas casas”, informou o chefe da Defesa Civil de Cruzeiro do Sul, tenente-coronel Araújo.

Araújo reitera que o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil estão monitorando o nível das águas e a quantidade de chuva. “Nós estamos acompanhando qualquer alteração do rio, mas ainda não se trata de uma situação preocupante, já que o manancial não atingiu a cota de alerta”, reforçou.

O Rio Acre também apresentou elevação durante o feriado do carnaval, mas na manhã desta quinta-feira, 11, deu sinais de vazante, passando de 10,58 metros para 10,24 metros, em Rio Branco. O afluente Riozinho do Rôla também apresentou vazante, chegando a 7,41.

A média esperada para o mês de fevereiro, de acordo com a série histórica, é de 11,16 metros, em Rio Branco.

Agência de Notícias do Acre


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.