Combustíveis ficarão mais caros em Rondônia





A partir desta quarta-feira, 16, o preço dos combustíveis será reajustado em Rondônia. De acordo com a tabela definida pelo Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz), o litro da gasolina, que hoje é vendido por cerca de R$ 3,15 no estado, passará a custar, em média, R$ 3,21. A mudança representa um aumento de, aproximadamente, 2%. Também haverá alteração nos valores do etanol, gás natural veicular e diesel.

O preço dos combustíveis será reajustado ainda em Alagoas, Amazonas, Distrito Federal, Paraíba, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e São Paulo. O aumento mais expressivo será registrado no Amazonas, onde serão cobrados R$ 3,20 pelo litro da gasolina, vendido hoje a R$ 3,13, o que representa uma variação de 2,23%. Mesmo sem estar na lista das unidades da federação que terão alterações no valor dos combustíveis, o Acre continuará sendo o estado onde a gasolina é mais cara: R$ 3,38.

A tabela completa com os preços estabelecidos pelo Confaz foi publicada nas páginas 37 e 38 do Diário Oficial da União de 10 de julho deste ano.

Rondonoticias

Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.