Prêmio Sebrae Mulher de Negócios revela as vencedoras das mais de três mil inscritas em todo o país

A 16ª edição do Prêmio Sebrae Mulher de Negócios anunciou as ganhadoras nesta quarta-feira (23) durante evento em Brasília (DF), com transmissão on-line para todo o país. A iniciativa, criada para dar visibilidade e reconhecimento às empreendedoras brasileiras, reuniu mais de três mil inscritas de todos os estados nas categorias Microempreendedora Individual (MEI), Pequena Empresa e Produtora Rural. Maria Cristina Cavassin (Spazio Cris/PR) foi a vencedora na categoria MEI, Silvana Louro (Equal Moda Inclusiva/RJ) levou o primeiro lugar como Pequena Empresa e Márcia Kafenstok (Primar Orgânica/RN) conquistou o topo do pódio como Produtora Rural. 

O segundo lugar de MEI foi para Maria Ulhoa (Fuzilli/MG), como Pequena Empresa a premiada foi Mareilde de Almeida (Saboaria/RO) e como Produtora Rural a ganhadora do segundo lugar foi Veronica Preuss (Kakao Blumenn Chocolate Artesanal/PA). No terceiro lugar do pódio, destaques para Sâmila Pinheiro (Dindin da Mila Goumert/AM) como MEI, Thaís Borges (Barulhinho Bom/AL) como Pequena Empresa e Maria Rosinete (Cabanha Gunther-SC) como produtora rural. 

“Quem empreende, empreende sonhando. Todos queremos ser reconhecidos, valorizados e o Sebrae faz isso com muita boa vontade. O Sebrae faz um bem para este país, pois dá condições, valoriza e reconhece as pessoas empreendedoras que são a força, os braços e as pernas da nossa economia”, celebrou o presidente do Sebrae, Carlos Melles, logo após o anúncio das vencedoras.

Na abertura da cerimônia, o diretor técnico do Sebrae, Bruno Quick, destacou que a abertura da Semana Global de Empreendedorismo (SGE) com o Prêmio Sebrae Mulher de Negócios é intencional e simboliza o compromisso do Sebrae em fomentar a criação de negócios liderados por mulheres. “Temos, aqui, 15 empreendedoras que representam todas as empresárias brasileiras, que ultrapassam todos os obstáculos e lideram seus negócios. A mulher, quantitativamente, ainda está em número menor em cargos de liderança. Queremos dar às mulheres as condições para que sejam além de chefes de família, que possam e tenham espaço para empreender, comandar seus negócios e fazer eles crescerem”, afirmou. 

Sebrae Delas

A diretora do Sebrae no Mato Grosso do Sul, Maristela França, e a diretora do Sebrae no Amapá, Marciana Costa, falaram sobre a criação do Sebrae Delas, iniciativa que atende mais de 50 mil mulheres em todos os estados. Maristela ressaltou que as diferenças entre homens e mulheres nos negócios são complementares. “Não é sobre competição, é sobre equilíbrio, cooperação, entrega e compromisso”, observou. Por sua vez, Marciana complementou, incentivando: “Negócios são para mulheres sim, vamos ocupar todos os espaços, inclusive, os políticos. Hoje, estamos coroando mulheres que inspiram outras tantas histórias de sucesso”, disse. 
Representando a presidente da Caixa, Daniella Marques, a assessora especial estratégica da Presidência da Caixa, Carolina Buzato, observou que o empreendedorismo é uma alternativa para muitas mulheres que buscam a independência financeira. “A partir do Sebrae Delas, criamos o Caixa Delas, que direciona crédito para mulheres. Temos que dar continuidade nessas iniciativas que levam as mulheres a ocuparem cada vez mais espaços”, frisou. 

Confira abaixo a lista de ganhadoras:

Microempreendedora Individual – MEI

1º Lugar: Maria Cristina Cavassin – Spazio Cris – PR

2º Lugar: Maria Ulhoa – Fuzilli – MG

3º Lugar: Sâmila Pinheiro – Dindin da Mila Gourmet – AM

Pequena Empresa

1º Lugar: Silvana Louro – Equal Moda Inclusiva - RJ

2º Lugar: Mareilde de Almeida – Saboaria Rondonia - RO

3º Lugar: Thaís Borges – Barulhinho Bom – AL

Produtora Rural

1º Lugar: Márcia Kafensztok – Primar Orgânica - RN

2º Lugar: Veronica Preuss – Kakao Blumenn Chocolate Artesanal – PA

3º Lugar: Maria Rosinete Effiting – Cabanha Gunther - SC

[Assessoria]

 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.