Polícia Militar do Acre deflagra Operação Papai Noel 2021

Em frente ao Quartel do Comando Geral (QCG), a Polícia Militar do Acre (PMAC) deu início, na manhã desta sexta-feira, 26, a mais uma edição da Operação Papai Noel. O objetivo é reforçar a presença policial em pontos estratégicos da capital acreana e do interior do estado, principalmente nas áreas comerciais, durante o período de final de ano.

Com um reforço diário de 140 policiais militares, divididos em dois turnos de serviço, as guarnições são escaladas nas mais variadas modalidades de policiamento, como motorizado – carros e motos – e a pé. Este ano, conta ainda com um acréscimo dos alunos do Curso de Formação de Soldados (CFSd 2021) e dos alunos do Curso de Habilitação de Oficiais Administrativos (CHOA).

O policiamento é um reforço ao serviço ordinário que é realizado diariamente pelas unidades operacionais de área da capital e do interior, além das unidades especializadas da corporação, conforme explica o comandante-geral da PMAC, coronel Paulo César Gomes. “É uma operação tradicional da Polícia Militar do Acre, que procura fortalecer o policiamento ordinário, principalmente nas áreas comerciais e, com isso, trazer uma tranquilidade maior à nossa população”.

O comandante ainda destacou a importância da operação para os alunos soldados e para toda a sociedade acreana. “Os alunos soldados que estão em formação, estão tendo a primeira experiência no policiamento e no contato com a população. Com esse aumento no número de policiais nas ruas, aumentamos a sensação de segurança e diminui, consequentemente, o número de furtos e roubos, sendo importante assim para toda a sociedade acreana”, enfatizou.

Entre os 70 policiais militares que se encontravam em forma durante a preleção do serviço, o aluno soldado Karl William, do 1º pelotão, escutava atento às orientações repassadas pelos comandantes. Para ele, vestir a farda e sair às ruas para o serviço é um momento marcante. “Além de ser uma grande honra, nos sentimos privilegiados em poder participar desta operação, já como policiais militares. Estamos empenhados em trazer à população a sensação de segurança e demonstrar que a Polícia Militar está presente nas ruas”, disse o aluno entusiasmado com a oportunidade.

Estiveram presentes à solenidade, os tenentes-coronéis Sandro Oliveira, respondendo pela Diretoria Operacional da PMAC (Dirop), Rômulo Modesto, comandante do Policiamento da Capital, Flávio Inácio, comandante do Batalhão de Operações Especiais (BOPE), a tenente-coronel Jokebed Lima, comandante do 1º Batalhão, e os majores Kleison Albuquerque, comandante do Batalhão de Policiamento Ambiental (BPA) e Marleudo Nogueira, comandante do Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran).

[Agência de Notícias do Acre]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.