Governo do Acre anuncia licitação das obras da Orla do XV para primeira quinzena de dezembro

O governador Gladson Cameli anunciou durante entrevista coletiva, na manhã de hoje (29), no Palácio das Secretarias, em Rio Branco, as obras da Orla do XV. A licitação está prevista para a primeira quinzena de dezembro. A deputada federal Vanda Milani (Solidariedade-Ac) autora da emenda parlamentar de R$ 17 milhões já disponibilizados na Caixa Econômica Federal, recebeu com alegria a informação. Ela lembra que o projeto é um sonho da comunidade. “O governador Gladson Cameli entrará para a história com a execução dessa obra que representa um sonho antigo de muitos desbravadores que ajudaram a desenvolver o Acre e que terão na execução desses recursos sua autoestima elevada”, acrescentou a deputada.

A última etapa burocrática para liberação do processo ocorreu na aprovação do projeto pela Superintendência de Desenvolvimento da Amazônia (SUDAM). Uma visita técnica foi feita pela superintendente do órgão, Louise Caroline, em junho deste ano, acompanhada pelo Diretor de Planejamento e Articulação de Políticas, André Carvalho de Azevedo. A deputada Vanda Milani (Solidariedade-Ac) acompanhou a visita e sensibilizou os técnicos da importância do projeto para região.

Na manhã de hoje o secretário de infraestrutura Cirleudo Alencar disse que o anuncio do início da Orla do XV atende a um pedido de desburocratização feito pelo governador Gladson Cameli. Os recursos que serão aplicados somam-se ao pacote de investimentos que será anunciado até o dia 20 de março de 2020. “É um pedido do governador e um compromisso que ele fez”, garantiu Cirleudo.

O governador Gladson Cameli falou sobre a expectativa do estado com a geração de emprego e renda. Meio bilhão de reais circulará no mês de dezembro com pagamento da folha e do décimo terceiro. Um pacote de 49 obras deverá ser anunciado até o dia 20 de março, com investimentos de mais R$ 300 milhões. Cameli disse que pretende avançar no que puder na execução de cada projeto. 

Vanda Milani acompanhou desde a liberação dos recursos pelo Ministério do Desenvolvimento, todos os passos de formatação do projeto arquitetônico que prevê a construção de quiosques para praça de alimentação, pista de corrida, quadra de areia, área urbanizada, um museu tecnológico na parte da estrutura futurística da Orla. O porto pensado para o local vai ter uma plataforma para atracação que será utilizado durante todo o ano acompanhando a vazante e a cheia do rio Acre.

“Esta obra representa um sonho para os moradores do XV. A forma como o projeto foi pensado e elaborado resgata a história dos moradores, a cidade será colocada de frente para o rio. Vai resgatar, com certeza a autoestima de quem vive na região, além de gerar durante a sua construção, geração de emprego e renda. Os recursos já estão garantidos na Caixa Econômica. Vamos continuar acompanhado passo a passo cada centavo aplicado”, garantiu a parlamentar.

[Assessoria]

 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.