Fórum de Educação Empreendedora acontece em Rio Branco

Mais de 400 professores da rede de ensino municipal, estadual e particular estiveram reunidos ontem no auditório da U:Verse para assistir a palestra; BNCC e Educação Empreendedora: sinergia e parceria,  da consultora e desenvolvedora de conteúdos diversos nas áreas de empreendedorismo, liderança, equipes e formação de recursos humanos, Nara Liane. A palestra fez parte do Fórum de Educação Empreendedora 2022.

O Programa Nacional de Educação Empreendedora tem o objetivo de tornar as discussões em torno do empreendedorismo mais amplas e acessíveis nas escolas e nas instituições de ensino brasileiras, o programa leva conteúdos e metodologias relacionados ao tema para os currículos dos diferentes níveis de educação, da básica à superior.

O PNEE é implantado por meio de parcerias com as instituições de ensino e as secretarias de educação, para que as escolas recebam gratuitamente o material de aprendizagem. Os professores adquirem, então, capacitação em empreendedorismo e são responsáveis por disseminar a metodologia nas salas de aula.

O foco do trabalho é promover consciência em torno do empreendedorismo como comportamento, voltado para projetos de vida, e não apenas como ferramenta para a criação de negócios. Assim, os jovens se tornam peças importantes para a transformação de sua realidade e a de suas comunidades.

O diretor técnico Lauro Santos, realizou a abertura do evento e falou dos próximos desafios para 2023. “Nossa meta para 2023 é capacitar 1mil professores para atender 14 mil alunos da rede publica e particular. Além disso iremos realizar uma premiação municipal e estadual de Educação Empreendedora, mas o maior desafio é desenvolver uma metodologia para atender crianças autistas. Elas precisam ser incluídas na Educação Empreendedora e esse trabalho será construído a várias mãos.”

[Assessoria]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.