Visitas em presídios do Acre estão suspensas por mais 15 dias

Por Wanglézio Braga

O protesto realizado na semana passada por familiares de reeducandos do sistema prisional do Acre que pediam a normalidade da visitação nos presídios não surtiu efeito. Na edição de ontem (27) do Diário Oficial do Estado (DOE), a administração do Instituto de Administração Penitenciária (IAPEN) publicou uma portaria ampliando a suspensão, por mais 15 dias, das visitas nas unidades prisionais de todo o estado.

Na portaria, Arlenilson Cunha, diretor-presidente considera a necessidade de manutenção das medidas de prevenção e combate à Covid-19 no âmbito do Instituto de Administração Penitenciária Estadual. Também foi levado em conta o decreto do governo que dispõe sobre a criação do Pacto Acre Sem Covid e a evolução da classificação dos níveis de risco por regionais, representados pelas cores: vermelho, laranja, amarelo e verde.

As visitas nos presídios poderão ser restabelecidas caso as cidades que contam com unidades penitenciárias sejam reclassificadas no nível de atenção, identificado pela cor amarela. No momento, apenas as visitas dos advogados estão sendo permitidas nas unidades.

Atualmente, todo o estado do Acre está classificado na bandeira laranja, considerada como nível de alerta. A avaliação dos indicadores é feita a cada 14 dias. A próxima está prevista para 3 de agosto. 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.