Acre já recebeu quase 178 mil testes RT-PCR para diagnóstico de Covid

O Acre já recebeu quase 178 mil testes RT-PCR do Ministério da Saúde. Desde o início da pandemia, a pasta afirma que mais de 32,2 milhões de reações de RT-PCR foram enviadas para todos os estados e o Distrito Federal. A metodologia utilizada identifica todas as variantes da Covid-19.

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) informou que o estado deve receber mais 30 mil testes nesta sexta-feira (25).

A coordenação da Rede de Urgência e Emergência (RUE) de Rio Branco reforça que a Sesacre tem quantidade suficiente para distribuir testes no estado e que os testes que vão chegar vão ajudar a Saúde a continuar combatendo a Covid.

O coordenador do RUE, Edvan Meneses, disse que a Sesacre possui hoje 20 mil testes e que estes são suficientes para atender a demanda até o fim da semana e que todas as unidades de saúde têm o material disponível.

"Das medidas e das ações da Sesacre dentro das unidades a testagem daqueles casos prováveis onde há sintomas é muito importante. Durante essa semana e já foi solicitado pelo Centro de Operações de Emergência em Saúde (COE), onbde eu também sou o coordenador, mais 30 mil testes do governo federtal, através do Ministério da Saúde. Na última pauta foram enviados 16 mil, mas, esse aumento no número de casos, nós solicitamos mais 30 mil testes."

O Brasil possui 27 Laboratórios Centrais de Saúde Pública (Lacen), três centros nacionais de referência (NIC) e laboratórios colaboradores, capacitados a realizar teste diagnóstico para a detecção do SARS-CoV-2 pela metodologia RT-PCR em tempo real. Um deles está localizado na capital acreana, Rio Branco.

Segundo a Sesacre, o teste é a melhor opção para evitar a disseminação da doença, inclusive em casos assintomáticos.

Covid no Acre

O Acre registrou 171 novos casos de Covid-19 nesta quarta (23), de acordo com o boletim divulgado pela Sesacre. Ao todo, há 153.137 infectados pela doença desde o início da pandemia. Já o número de mortos permanece em 2.029 e não houve novos registros.

O Acre registra 359.890 notificações de contaminação pela doença, sendo que 206.746 casos foram descartados e sete exames de RT-PCR aguardam análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen). Pelo menos 150.173 pessoas já receberam alta médica da doença e não há registro de pessoas internadas.

Após o aumento no número de casos de Covid no estado e o avanço da nova variante Ômicron (BQ.1) no país, a Sesacre voltou a recomendar que a população use máscaras em ambientes fechados ou com aglomeração. A orientação foi divulgada na segunda (21), durante entrevista coletiva com representantes da pasta.

 

[g1]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.