Saúde Itinerante realiza mais de mil atendimentos em Sena Madureira

Levar saúde aos locais de difícil acesso é um dos objetivos do governo do Acre, por isso, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre) e do programa Saúde Itinerante, leva serviços de assistência à saúde aos municípios em parceria com as prefeituras, unindo forças em prol do bem-estar de todos. 

A 26ª edição do Saúde Itinerante ocorreu neste último final de semana, em Sena Madureira, na Escola Municipal Messias Rodrigues de Souza, e realizou 1.131 atendimentos nas seguintes especialidades: consultas médicas em medicina da família, pediatria, ginecologia, obstetrícia, ortopedia, exames laboratoriais, exames de apoio diagnóstico, preventivo do câncer de colo do útero (PCCU), exames regulados para o Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (Into-AC) e demais consultas.

Além disso, também atendeu nas especialidades de odontologia, serviço social, realizou a entrega de medicamentos, aplicou vacinas contra a Covid-19 e regulares do calendário vacinal.

A chefe da Divisão do Saúde Itinerante Especializada, Rosemary Ruiz, destaca o apoio da gestão do Hospital João Câncio Fernandes. “Foram mais de 100 pacientes retirados da fila de espera para as especialidades de ginecologia/obstetrícia e ortopedia. Com essa edição, conseguimos dar vazão a essa fila, oferecendo celeridade ao atendimento”, destacou Rosemary Ruiz.

[Agência de Notícias do Acre]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.