Seplag lança sistema para consulta de pagamento de verbas devidas a servidores do Estado

Já está no ar o E-retroativo, sistema criado pela Secretaria de Planejamento e Gestão do Acre (Seplag), para disponibilizar o cronograma de pagamento dos lotes de verbas retroativas devidos a servidores e ex-servidores do Estado.

Após o anúncio do pagamento das verbas retroativas, realizado pelo governador Gladson Cameli, e instituído pelo decreto nº 9.020, de 26 de maio de 2021, que determinou a criação de cronograma destinado ao pagamento de valores devidos e não pagos referentes a progressões, promoções, titulações, enquadramentos e abono de permanência, entre outros, aos servidores públicos do Estado, a Seplag realizou o levantamento dos valores devidos, conforme registro no Sistema de Gestão de Pessoas. O primeiro lote para pagamento já será liberado, juntamente com o pagamento do salário dos servidores referente ao mês de julho. 

Os demais lotes serão liberados conforme o anunciado pelo governador em coletiva de imprensa realizada dia 26 de maio, por ordem de antiguidade do provimento. O primeiro lote já está disponível para pagamento, referente às verbas retroativas devidas do ano de 2016.  Todos os retroativos, com limite até o valor de 30 mil reais, exceto os em processo judicial, serão pagos por lotes em parcela única, liberados até a data-limite de dezembro de 2022.

Para ter acesso ao sistema, basta entrar na página da Seplag no endereço www.seplag.ac.gov.br, onde estará o link  do sistema E-retroativo. O servidor deverá clicar e inserir seu cadastro funcional, o mesmo utilizado para acessar o contracheque eletrônico e e-mail institucional. Aparecerá qual é o lote de pagamento e a data em que será liberado. Caso não conste informações sobre data de previsão do lote questionado, o processo pode estar em revisão e provavelmente será processado em alguns dias, sendo informado posteriormente. Para mais esclarecimentos, o servidor deve procurar informações junto ao RH da sua secretaria.

[Agência de Notícias]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.