Bittar busca solução para crise migratória na fronteira

O senador Marcio Bittar (MDB-AC) intercedeu para que ocorra nesta quarta-feira (17) uma audiência do governador Gladson Cameli com o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo. Na pauta está a crise migratória que reteve em Assis Brasil, na fronteira com o Peru, cerca de 300 estrangeiros, na maioria haitianos. Há também senegaleses e indianos no grupo.  No último domingo (14), eles fizeram uma manifestação na Ponte da Integração, que separa as cidades de Assis Brasil e Iñapari. Bittar então entrou em contato com o ministro em busca de uma solução pacífica para o drama dos migrantes.

A meta é que o Ministério das Relações Exteriores negocie um acordo com o governo peruano, a fim de que o grupo tenha autorização para atravessar o território com destino aos seus países de origem.  “O momento é delicado devido à pandemia de coronavírus, e sabemos que a prefeitura de Assis Brasil não tem condições de abrigar e alimentar a todos. Tratamos de garantir que o governador Gladson Cameli possa, na audiência desta quarta-feira, expor o drama dessas pessoas. Estamos buscando uma solução para os migrantes e uma maneira de aliviar a situação do município”, disse o senador. Ele acrescentou temer que o clima de tensão descambe para protestos violentos, já que no domingo a polícia peruana acompanhou os manifestantes de perto e isso acabou por acirrar ainda mais os ânimos na região. “Estamos agindo para evitar o pior”, concluiu Marcio Bittar.  [Assessoria]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.