MPAC lança 13ª edição do Prêmio de Jornalismo nesta quinta-feira, 12

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) lança nesta quinta-feira, 12, a 13ª edição do Prêmio de Jornalismo com a palestra “A estrutura de uma notícia falsa e seu poder de convencimento”, que será ministrada pelo cientista político e professor de direito constitucional da Universidade Federal do Pernambuco (UFPE), Ulisses Melo. A palestra será realizada no auditório do MPAC, às 14 horas e terá transmissão pelo canal do MPAC no Youtube.

As inscrições podem ser feitas no endereço eletrônico: https://eventos.mpac.mp.br/enrol/index.php?id=206. A palestra terá certificação pelo Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (Ceaf) do MPAC aos participantes inscritos. Ulisses Melo é mestre e doutorando em ciência política pelo Programa de Pós-Graduação em Ciência Política da UFPE, e pesquisa sobre a relação entre notícias falsas e comportamento político.

O palestrante irá falar sobre notícias falsas e o que as tornam tão populares nas redes sociais chamando a atenção para o seu impacto na política contemporânea. A temática também instigará uma reflexão acerca das descobertas recentes advindas da academia e um debate aprofundado do tema para além das suposições comuns, indicando possíveis soluções de curto e médio prazo para o problema.

Prêmio de Jornalismo 2022

A 13ª edição do Prêmio de Jornalismo do MPAC tem como tema a “Cidadania transformada em notícia”. A premiação representa o reconhecimento do MPAC à função social da mídia e sua importante contribuição como formadora de opinião e difusora de informações. Segundo o procurador-geral de Justiça do MPAC, Danilo Lovisaro do Nascimento, a 13ª edição trará uma programação diferenciada e visa fortalecer, ainda mais, a relação que o Ministério Público tem com a imprensa.

Ao todo, quatro categorias estarão em disputa, distribuídas entre imagem, mídia audiovisual e mídia escrita, além dos destaques acadêmicos. Serão concedidos troféu e prêmio em dinheiro aos melhores trabalhos em cada categoria. Os trabalhos vencedores serão anunciados durante cerimônia a ser realizada até o fim do ano. O regulamento e o formulário de inscrição no concurso estarão disponíveis a partir de 12 de maio no site premiodejornalismo.mpac.mp.br.

 

[Agência]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.