Presidente do Iapen agradece ao governador pela oportunidade e Destaca avanços e conquistas

 

Antônio Muniz

Presidente do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen), policial penal Arlenilson Cunha escolheu o programa RB Notícias, ao vivo na TV Rio Branco, para fazer um balanço de seu primeiro amo de gestão. Em entrevista ao jornalista Antonio Muniz, nesta terça-feira, 06, Cunha fez um retrospecto e destacou conquistas e avanços, tanto nos presídios de Rio Branco – Francisco de Oliveira Conde e Manoel Amaro, quanto nos do interior. Policial penal desde a fundação do Iapen, o ex-policial militar Arlenilson Cunha lembrou ter assumido o comando da autarquia em um momento conturbado, de mal-estar com o judiciário, pagamentos atrasados de fornecedores, muitos conflitos internos e manifestações de familiares de presos. No entanto, com bom trânsito na categoria, adotando uma postura pacificadora, mas ao mesmo tempo firme e coerente nas decisões, o novo gestor organizou a casa com uma boa gestão administrativa e adotou um novo modelo de gestor, valorizando os colegas de trabalho e fortalecendo o Sistema Penitenciário do Acre. Durante a entrevista, foi exibido um vídeo de pouco mais de três minutos, no qual o próprio Arlenilson aparece fazendo um balanço de suas atividades. “Entre desafios e percalços, melhoramos e, notoriamente, avançamos. Ele já fechou o ano passado com as contas em dia, apesar de ter assumido um dívida superior a R$ 22 milhões herdada pela gestão anterior. Além disso, em plena pandemia, ele conseguiu reduzir os gastos em mais de 25%, sem perder qualidade na gestão. Caro que tudo isso só foi possível por uma série de fatores. Primeiro pelo apoio e a oportunidade que tive do nosso governador Gladson Cameli, que sempre foi muito solidário e compreensivo e segundo pelo suporte oferecido pelo secretário de Segurança, o Gabinete Civil, a Secretaria de Fazenda e empenho dos nosso policiais penais e os demais integrantes do Iapen”, afirmou. Ele também reconheceu a importância dos assistentes sociais e outros técnicos especializados. Ao ser perguntado sobre como tem conseguido avançar na gestão,  fazendo mais e gastando menos, o presidente foi enfático ao destacar a importância dos superiores e servidores da instituição. “Agradeço ao governador, Gladson Cameli, pela confiança depositada, ao secretário de Justiça e Segurança Pública, Paulo Cézar Santos, e ao secretário de Planejamento e Gestão, Ricardo Brandão. Também agradeço a todos os policiais penais, técnicos e demais funcionários pela doação diária e o comprometimento com o serviço público no âmbito do sistema prisional. A união de todos faz do Iapen uma instituição forte”, afirmou.

Avanços e melhorias

Em apenas um ano e enfrentando as dificuldades que a pandemia trouxe, a atual gestão do Iapen soma pontos importantes de avanços e melhorias. “Apesar dos dias atípicos que estamos vivendo, continuaremos firmes e comprometidos, porque os grandes homens abraçam grandes missões”, disse Arlenilson Cunha.

Avanços e conquistas

Instalação de body scan (scanner corporal) nas unidades penitenciárias de Senador Guiomard, Cruzeiro do Sul e estabelecimento penal feminino da capital; Links de Internet na área administrativa dos presídios do interior (Sena Madureira, Tarauacá e Cruzeiro do Sul); Adaptação de salas para audiência por vídeo conferência em Rio Branco, Sena Madureira, Tarauacá e Cruzeiro do Sul; Novas instalações do Centro de Monitoramento Eletrônico de Presos e Núcleo de Apoio à família em Tarauacá; Instalação de corredor de segurança nos Pavilhões “O” e “P” do Complexo Penitenciário de Rio Branco, com uso de cães.; Fortalecimento do Canil – com contratos para manutenção (alimentação e cuidados veterinários); Instalação de bloqueadores de sinal de celular nos Pavilhões “O” e “P” do Complexo Penitenciário de Rio Branco; no Estabelecimento Penal de Cruzeiro do Sul (fase de aperfeiçoamento); Instalação de 35 câmeras do circuito de monitoração por câmeras (Circuito Fechado de TV) no presídio de Cruzeiro do Sul; 32 câmeras no presídio de Tarauacá; Reforma de todos os postos de serviço policial da Unidade de Recolhimento Provisório de Rio Branco; e instalação de parlatórios na Unidade de Regime Fechado 1 de Rio Branco, em parceria com a OAB/AC; Reforma das guaritas da Unidade de Recolhimento Provisório de Rio Branco (em andamento); Aquisição, sem custos, e implementação do Sistema de Gestão e Informação (Siapen), sendo o Acre o único estado da Região Norte a possuí-lo; Implementação da plataforma AVAC, facilitando que os servidores, principalmente do interior, realizem cursos online e provas de promoção; Garantia de recurso junto ao Departamento Penitenciário Nacional (Depen) para implantação da Central Integrada de Alternativas Penais (CIAP) no município de Cruzeiro do Sul; Instalação do Escritório Social na capital Rio Branco, em atenção à política criminal para o egresso do sistema prisional; Entrega de 20 carabinas táticas e seis fuzis T-04 para o serviço operacional. Quatro viaturas furgão e um ônibus adaptado para transportes de presos, fruto de parceria com o Depen. kit tático de fardamento (duas gandolas táticas combat shirt, duas camisetas de malha manga curta, um coturno, um cinto tático. Um brasão/escudo emborrachado) para todos os policiais penais do Acre, sendo distribuídos conforme calendário previamente estabelecido; Compra de 200 rádios digitais portáteis e 10 rádios base para o melhoramento da comunicação no serviço policial; 80 Espingardas CBC – calibre 12, para uso no serviço policial ordinário e outras intervenções de cunho operacional; Melhorias na iluminação interna e externa do Complexo Penitenciário de Rio Branco e da Unidade de Regime Fechado, também conhecida como Antônio Amaro Alves; Substituição de poste e transformador de energia elétrica no estabelecimento penal de Tarauacá; Instalação de gerador de energia elétrica na Unidade Penal de Tarauacá; Disponibilidade de duas viaturas para demandas policiais na circunscrição policial do Complexo Penitenciário de Rio Branco; Adequação do Espaço de Atendimento de Saúde no estabelecimento penal masculino de Cruzeiro do Sul; Ampliação do Espaço de Recepção e Espera do estabelecimento penal feminino de Cruzeiro do Sul; Aquisição de 2 mil colchões (seguindo distribuição de calendário prévio); e de 2 mil cadeados para uso em celas e uso administrativo; Combate à covid-19 com a entrega de seis bombas do tipo atomizador costal, para sanitização das unidades prisionais. Segundo o Departamento Penitenciário Nacional, o Acre está em segundo lugar no ranking de transparência das informações no combate à pandemia da covid-19.


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.