CHEGOU O GRANDE DIA:Nesta sexta-feira a Ponte sobre o Rio Madeira será liberada para co tráfego

Após sete anos do início das obras, o Governo Federal inaugura nesta sexta-feira, 7 de maio, às 10 horas, horário do Acre, e 11 horas, horário de Rondônia, na região do distrito de Abunã (RO), a Ponte sobre o rio Madeira, que leva o nome de Ponte do Abunã. A estrutura de concreto e aço, uma das maiores já erguidas pela engenharia na Amazônia, possui 1,5 quilômetro de extensão e 14,4 metros de largura. A ponte possui duas pistas de rolagem, acostamento em ambos os lados e passarela para pedestres. Iniciada em 2014, a construção recebeu o investimento de R$ 154 milhões. O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) ficou com a responsabilidade da obra desde os primeiros pilares, sobre o caudaloso rio Madeira, de 1.450 km de extensão. Apesar de estar localizada em território rondoniense, a ponte do Madeira é um sonho antigo dos acreanos. Além de colocar fim à travessia de balsa naquele trecho da BR-364, a estrutura conectará o Acre definitivamente com a malha rodoviária federal. Uma obra histórica, importante para o desenvolvimento econômico da região e para a integração nacional, ligando o restante do Brasil, via Acre, aos portos do Pacífico.

Atualmente, a capacidade de tráfego pela balsa é de 2 mil veículos por dia. Com a inauguração da ponte, há uma tendência de aumento de até 50% do tráfego, além da redução do tempo de viagem, uma vez que os veículos não precisarão esperar pela travessia na balsa. O governador Gladson Cameli, enquanto senador, acompanhou a obra, que mesmo com dificuldades de toda ordem, como os períodos de cheias e secas do rio, não foi paralisada nenhum dia. Nessas inúmeras vezes em que visitou a obra, tanto como engenheiro, como parlamentar, e principalmente após se tornar governador, sempre procurou estar acompanhado do superintendente do Dnit de Rondônia, André Santos, parlamentares que muito contribuíram com os recursos para a finalização da obra, além de empresários e produtores, que muito sonharam com essa realidade posta diante dos olhos e do futuro.

“São mais de 30 anos dependendo da balsa que nos fazia perder tempo. E tempo é dinheiro. Agora, em poucos minutos, estaremos ou de um lado ou de outro. Acre e Rondônia rapidamente irmanados”, declara em tom de alegria, o governador Gladson Cameli.

Cerimônia de Travessia sobre a Ponte do Abunã

A Cerimônia de Travessia sobre a Ponte do Abunã é um evento promovido pelo Governo Federal juntamente com o Estado de Rondônia. O Estado acreano, mesmo tendo grande participação em todos os momentos da consagração deste grande momento histórico é um ilustre convidado tanto do Governo Federal, quanto do Estado de Rondônia que coordena o evento. Assim, todos os convites para as autoridades, federações, empresários e outros, parte exclusivamente dos anfitriões. No dia 7 de maio de 2021, às 10h30, está prevista a participação do presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, na Cerimônia de Travessia sobre a Ponte do Abunã, que ocorrerá na BR-364/RO, km 937, no distrito do Abunã, Porto Velho – RO.

Informações importantes

-Chegada do presidente Jair Messias Bolsonaro: em torno de 10h30 (horário de Rondônia);

– Encerramento do credenciamento: 9h30 (8h30 horário do Acre);

– Horário de início do evento: 11h (horário de Rondônia);

– Público poderá acessar a ponte pelo acesso para pedestres;

-Carros ficarão distantes da ponte;

– Utilizar vestimentas leves, usar chapéu ou boné, levar água, utilizar protetor solar. É indispensável o uso de máscara;

– Os convites serão enviados às autoridades pelo Ministério da Infraestrutura e são individuais e intransferíveis ;

– Evitar levar crianças.

 

[Agencia de Notícias do Acre]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.