Estado atua na construção da Ponte da Sibéria em Xapuri

O governo do Estado, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem do Acre (Deracre) e do Consórcio Rio Acre, tem trabalhado na construção da Ponte da Sibéria, em Xapuri. Em ritmo acelerado, agentes do consórcio executam serviços de fundação, concretagem dos blocos de apoio menores e em breve atuarão na concretagem dos blocos de apoio maiores.

“A concretagem do bloco de apoio AP-5, que fica do lado do centro de Xapuri, por imprevistos ficou programada para a semana que vem. Mesmo assim, a empresa já executou a concretagem de blocos pequenos que ficam sobre as estacas cavadas no início da rua”, explicou o engenheiro responsável, Willyams Lima.

Segundo o Lima, o bloco AP-5 tem dimensões de 10x10m de largura, por 3,5m de altura, e deve exigir cerca de 350 metros cúbicos de concretagem. “A estrutura metálica já está praticamente toda armada e, após a conclusão dessa etapa, os trabalhos se concentrarão no bloco AP-6, que liga no lado da Sibéria”, disse.

A estrutura terá 363 metros de extensão, com rampas de acesso, e ligará o centro de Xapuri ao bairro Sibéria. As intervenções, quando concluídas, proporcionarão mais mobilidade e segurança para 20 mil pessoas.

O empreendimento foi orçado em mais de R$ 40 milhões, com mais de R$ 15 milhões oriundos de recursos próprios e R$ 25 milhões frutos de emenda parlamentar do senador Márcio Bittar.

[Agência de Notícias]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.