Colunistas

Prefeita afirma que igrejas e comércio continuam abertos e escolas fechadas

A prefeita Socorro Neri, candidata à reeleição pelo PSB, afirmou nesta quinta-feira, 26, em entrevista, ao vivo, a este colunista, na TV Rio Branco-SBT que  igrejas e estabelecimentos comerciais continuam abertos. Disse ainda que as escolas continuarão fechadas, uma vez que as crianças não podem ser expostas, pois além de serem infectadas, podem transmitir o novo coronavírus aos demais membros de suas respectivas famílias, sobretudo aos pais e avós que, automaticamente, integram o chamado grupo de risco. Se as escolas forem rebertas, segundo a prefeita, poderemos ter um colapso no sistema público de saúde e no setor privado.

Socorro Neri contestou afirmação do candidato do PP, Tião Bocalom, que disse, na quarta-feira, 25, não vê problema as crianças serem infectada. "As crianças não têm tantos problemas com a covid", afirmou Bocalom. E acrescentou: “Nós precisamos pegar covid também para ficar imunizados”. Socorro afirmou que precisamos continuar adotando os mesmo cuidados, uma vez que estamos enfrentando uma segundo onda do novo coronavírus. Nas últimas 24 horas, foram registrados 116 novos casos de contaminação pelo novo coronavírus. A Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre) confirmou que o número de infectados subiu de 35.188 para 35.304. Nesta quinta-feira, 26, foram registrados  116 novos casos e mais um óbito, totalizando 722 mortes.  O Acre registra 97.980 notificações de contaminação pela doença, sendo que 62.168 casos foram descartados. Já receberam alta médica 30.179 pessoas e 126 continuam internadas.

Socorro Neri também falou sobre os novos aliados de Tião Bocalom, no segundo. Segundo a prefeita, tal fato revela a sede pelo poder. Ela afirmou que eles estavam juntos já no primeiro turno, criando situações embaraçosas para elas nos debates realizados, tanto no rádio, quanto na tv. Os eleitores, segundo a prefeita, já perceberam a manobra e saberão reagir nas urnas.  Apesar da larga vantagem obtida por Tião Bocalom no primeiro turno, a prefeita se diz confiante e acredita na virada agora na reta final da campanha.

Transparência

Socorro Neri afirmou que um dos reconhecimentos que mais lhe causa orgulho é de transparência absoluta nos seus atos administrativos. “Os recursos públicos devem ser aplicados de forma íntegra, honesta e transparente para haver dúvida por parte da população”, afirmou a prefeita. Disse ainda que até a conta do celular que ela usa e paga com seu próprio dinheiro.

Balanço positivo

A prefeita fez balanço positivo de sua gestão e afirmou que conseguiu avançar em todos os setores, especialmente na educação, na saúde e nas ações de infraestrutura, tanto na zona urbana, quanto na rural. “E vamos continuar avançado se conseguirmos a reeleição”, afirmou.

Primeiras posições

A gestão da prefeita Socorro Neri ocupa as primeiras posições em vários setores como saúde, educação, agricultura, política ambiental, gestão fiscal e transparência nos processos administrativos.  A prefeita admitiu que poderia ter destacado melhor suas realizações.

Falsas notícias

A candidata também citou algumas notícias falsas, plantadas para prejudicar sua candidatura. Além de atos de puro machismo e preconceito, chegaram a afirmar que a prefeitura iria retirar os comerciantes do calçadão após a inauguração do Shoping Popular, marcada para o início de dezembro. “Conversei com os comerciantes e mostrei a verdade. Ninguém será prejudicado”, afirmou.

Reação de Bocalom

Os questionamentos da prefeita Socorro Neri (PSB) sobre a falta de preparo e estudo do candidato do PP, Tião Bocalom, causaram efeitos e resultou em nota de resposta da coordenação de campanha do Partido Progressista. A coordenação geral de Tião Bocalom lamentou que Socorro Neri utilize de todos os meios, para tentar ganhar votos na reta final de campanha.

Experiência

Para contrapor Socorro Neri, a coordenação destacou a experiência de Bocalom como prefeito de Acrelândia por três vezes, secretário de Estado e presidente da Emater-Acre, recentemente. “A administração de Bocalom garantiu a ele diversos prêmios, dentre eles o de ‘Prefeito Empreendedor’ pelo Sebrae, e ainda, foi classificado entre os 20 melhores do Brasil com o Prêmio “Melhores Práticas”, promovido pela Caixa Econômica Federal e ONU”.

Pioneirismo

Os progressistas também afirmam que na área da Educação, ele foi o pioneiro na Amazônia, em transporte escolar gratuito e escola centralizada. “O verdadeiro atraso é realizar ataques gratuitos a um senhor, pai e avô, que nunca mediu esforços para servir a população, sem nunca ser envolvido em casos de corrupção”, encerrou em nota.

Em defesa de Bocalom

Pastor Ilson Viana saiu em defesa do candidato do PP à Prefeitura de Rio Branco, Tião Bocalom diante da repercussão de algemas declarações feita por ele em entrevista aos meios de comunicação do Acre, na reta final da campanha.

Onde está o erro?

“1- "As crianças não têm tantos problemas com a covid". Onde está o erro? Está mais que comprovado cientificamente, com dados e com fatos que ele está correto, alguém discorda que as crianças não têm tantos problemas com a covid?  Ele não disse que elas não tem problemas ou que não podem ser infectadas, apenas comparou com adultos e disse que elas não tem tantos.

Imunização

“2- "...nós precisamos pegar covid também para ficar imunizados". Enquanto não tiver nenhuma vacina comprovada e testada, a única forma de imunizar é com a infecção, embora existam relatos raros de reinfecção, a maioria que foi infectada não pegou mais, então onde está o erro?

Povo desesperado querendo distorcer uma fala sensata, coerente e que condiz com os fatos, quer gostemos ou não.

Termina nesta sexta

Prazo que o presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Nicolau Junior pediu para efetuar o pagamento dos servidores termina nesta sexta-feira, 27. Acostumados a receber dia 20, os servidores estão em pé de guerra com a mesa diretora da “Casa do Povo”.  Eles afirmam que a justificativa apresentada não se sustenta.

De volta ao PP

Após a eleição de domingo, seja qual for o resultado, o governador Gladson Cameli voltará ao PP, partido pelo qual foi eleito deputado federal duas vezes, senador e governador, mas pediu afastamento no início de agosto para ficar livre e apoiar a reeleição da prefeita Socorro Neri (PSB).

Expectativa

Dirigentes do MDB vivem a expectativa de o governador se filiar ao partido. Ocorre que houve algumas reações contrárias ao ingresso de Cameli no MDB. O primeiro a se manifestar foi o ex-prefeito de Cruzeiro do Sul, Vagner Sales. “Se ele entrar, eu saio”, afirmou Vagner. Em nível nacional, o PP alimenta o sonho de o Presidente Jair Bolsonaro voltar ao partido. 

Debate nesta sexta

Socorro Neri (PSB) e Tião Bocalom (PP) estarão frente a frente no debate promovido pela Rede Amazônica, a partir das 21h30m. Será o último confronto entre os dois candidatos antes das eleições de domingo, 29.  A assessoria de Bocalom afirmou que ele decidiu não ir ao debate, pois á tem compromisso agendado no mesmo horário.

Convite de Bolsonaro

Presidente Jair Messias Bolsonaro (sem partido), realizou uma ligação para o icônico prefeito da cidade de Colatina (ES), Sérginho Meneguelli (MDB), e o convidou para um almoço em Brasília. O encontro está prevista para acontecer na próxima quarta-feira (02). “A ligação de Bolsonaro foi uma grata surpresa. Como prefeito, não esperava receber o contato do presidente da República”, disse Serginho.

Artigos Publicados

Quem é o novo chefe da Casa Civil do governo

Governador sabe a importância da vacina

Ribamar Trindade toma posse como conselheiro do TCE-Acre

Live do governador revela boas e importantes novidades