Colunistas

A reação do governador diante da insensatez da oposição

Governador Gladson Cameli (PP) reagiu diante da postura de políticos da oposição que comemoraram a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), uspendendendo a execução do “orçamento secreto”, conhecido como emendas parlamentares pagas na modalidade “emendas de relator”, do qual o senador Márcio Bittar (MDB-PSL) é o relator. O governador saiu em defesa de Bittar e criticou a postura de alguns políticos, que diante da decisão, usaram as redes sociais para comemorar o prejuízo que o Acre pode sofrer.

“Aqueles que agem assim para atingir o senador Márcio Bittar, na verdade estão fazendo oposição ao Acre. As urnas já mostraram que esse jeito de fazer política ficou para trás. É hora de união. De pensarmos tão grande quanto o futuro do nosso estado. Por isso, como governador do estado, expresso minha preocupação com o tema e como cidadão trabalho e torço para que nosso estado tenha cada vez mais investimentos que proporcionam melhor qualidade de vida das pessoas. Que Deus proteja e abençoe a todos!”, escreveu.

A decisão do STF, pode tirar do Acre, R$ 1 bilhão de reais em emendas parlamentares, tecnicamente conhecido como RP-09, que são códigos identificadores de Resultado Primário. Quem enxerca um palmo adiante do nariz no processo de execução orçamentária sabe muito bem que estamos a falar. Especialistas em falcatruas, os esquerdistas, agora na oposição, vivem a fazer mil e um planos, numa desesperada tentativa de voltarem ao poder. Por isso, usam um ato legal para alardear e prejudicar o Brasil.

Aliás, o grau de cretinice é tão grande que inventaram a expressão orçamento secreto. É tão secreto que todos conhecem essa prática. Na verdade, secreto era o processo de corrupção da esquerda que os órgãos de controle tiveram que montar uma operação composta pela Polícia Federal, Ministério Público e a própria Justiça para identificar, investigar e prender as poderosas quadrilhas que assaltaram o Brasil por longos 16 anos.

A prerrogativa de indicar recursos da chamada emenda de relator-geral do Orçamento Geral da União (OGU). O RP 9 foi criado por iniciativa do Congresso Nacional, em 2019, e não pelo Executivo, como erroneamente tenta afirmar a imprensa comprometida com os interesses daqueles que criaram mensalão, petrolão e outras práticas criminosas que representam o maior escândalo financeiro da história do Brasil, e agora tentam, a todo custo, voltar ao poder. Eles podem voltar, mas pelo voto, não por meio dessas velhas práticas golpistas. O governador foi firme, sem perder a compostura e duro sem perder a ternura!

Palhaçada

Alguns deputados partiucpam, ativamente, da trama contra a aprovação da PEC dos Precatórios, que desmonta uma arapuca montada pelas lideranças esquerdistas com aval do STF, mas logo em seguido saem a “comemorar” o Auxílio Brasil no valor de R$ 400,00 para mais de 17 milhões de famílias carentes.

Ampliação

Chegaram a promover fake news ao afirmarem que o Presidente Jair Bolsonaro havia acabado com o Bolsa Família. Na verdade, o programa foi substituído pelo Auxilio Brasil. Bolsonaro aumentou o número de família de 14 milhões para 17 milhões. O valor que era de até 180,00 agora vai subir para R$ 400,00 e serão pagos a parti deste mês.

Harmonia

A harmonia entre o prefeito de Porto Acre, Bené Damasceno (PP) e o presidente da Câmara. Vereador Maximo Quadrangular, do mesmo partido, tem surtido efeitos positivos à municipalidade. Claro que há confronto de ideia entre os dois, mas coo ambos querem o melhor para a coletividade, os interesses públicos estão sempre em primeiro plano.

Mailza em ação

Presidente regional do PP, senadora Mailza Gomes tem buscado mecanismos de inserção de mulheres na política, seja partidária ou política pública, de modo que a participação tem sido com respeito e promoção de igualdade.

Entrevistas

Candidatos à presidência da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Acre, Erick Venâncio e Rodrigo Aiache, serão entrevistados na próxima semana, no programa RB Notícias, ao vivo, na TV Rio Branco. Os dias ainda não foram definidos, mas deverão ser na quarta-feira, 17 e na sexta-feira,19. A eleição será dia 20, no período das 8h às 17h.

Fake news

Os dois candidato à Presidência da OAB-Acre, se dizem vítimas de fake news, sobretudo agora na reta final da campanha. Erick afirma que o adversário não praticava fake news, mas por baixo dos panos, deixa seus adversários disparar notícias falsas.

Trocando farpas

Ayache afirmou que Venâncio passou três anos na presidência da OAB-Acre e não conseguiu cumprir as promessas que fez em 2018. Venâncio, que disputa a reeleição, sugeriu que Rodrigo não estava no mundo quando passava por uma pandemia.

Pandemia

Erick destaca não ter sido possível atuar mais fortemente nos últimos meses por conta da pandemia. “Mas ainda assim temos conseguido levar muita coisa para a advocacia, como a sala de apoio aos advogados na Defla, para dar dignidade e respeito a eles”.

Ridículo

O ódio dos sindicatos ao Presidente Jair Bolsonaro é tão grande que os mais pelegos chegaram a defender decisão de um ministro do STF contra a Medida Provisória do Governo Federal que proíbe as empresas de exigirem comprovação de vacina para admitirem funcionários ou demitir os que não foram vacinados. Que coisa feia!

Dentro da lei

A Poetaria do Governo Federal tem amparo legal no Artigo 15 do Código Penal que diz: “Ninguém pode ser constrangido a submeter-se, com risco de vida, a tratamento médico ou a intervenção cirúrgica”. O STF, mais uma vez, atropela as leis, apenas para atender vaidade dos partidos de esquerda.

Democracia

Não há crime sem uma lei anterior que o defina.  Se não existe lei tornando a vacina obrigatória, logo ninguém pode ser punido ou prejudicado direito ou indiretamente. Quer dizer que quem não aceitar tomar vacina vai morrer de fome, pois não haverá mais emprego? Afinal, o Brasil é uma democracia ou uma ditadura?

Tapetão

O DTS se apequenou tanto que virou um tapetão dos partidos de esquerda. O quadro agora é mais ou menos assim: ele perdem na discussão e no voto, mas logo em seguido correm para o STF, chorando e pedindo socorro.  O STF decidiu usurpar prerrogativas exclusivas do Executivo e do Legislativo.

Carreta Ambiental

A Sexta Edição do programa Carreta Ambiental, comandado pelo Governo do Acre, por meio da Secretaria de Meio Ambiental e Politicas Indígenas, foi realizada no último fim de semana, em Capixaba – a 80 km de Rio Branco.  O prefeito Manoel Mendes (DEM), em entrevista ao programa Cidadania, na manhã de sexta-feira, na Rádio Aldeia FM, agradeceu ao governo pelo apoio ao seu município.

Sintonia 14.00

Programa Sintonia 1.400 deste sábado, ao vivo, na Rádio Difusora Acreana, vai receber o novo presidente da Executiva Municipal do PP, professor Eluzimar Alencar e o diretor de Economia Solidaria da Secretaria Municipal de Agricultura, Fernando Guedes. Apresentado pelo jornalista Damiao Viana e este colunista, o programa terá participação especial do jornalista Jairo Carioca, direto de Capixaba.

Festa do B-38

Lideranças do Movimento B-38, o Acre, promovem na segunda-feira, Feriado Nacional da Proclamação da República. A confraternização será em almoço especial no balneário Ilha do Sol, na Estrada de Porto Acre, km 05, em Rio Branco.  Alguns convidados especiais estarão na festa entre os quais o doutor Luís Carlos Oliveira, delegado de Armas e Produtos Químicos.

 

 

Artigos Publicados