Colunistas

Titulo da coluna de hoje: PT quer candidato, mas ninguém quer encarar o desafio

Antonio Muniz

Se o PT estivesse no poder e não vivesse um remendo drama provocado pelo desgaste político, o PT tinha, no mínimo, uns cinco candidatos a prefeito.  Mas como os tempo mudaram, o Acre acordou, evoluiu e o cenário petista não é mais tranquilo, nem favorável, ninguém quer se aventurar, nem o ex-senador Jorge Viana que sempre teve cede de poder, tem coragem de encarar tamanho desafio.

O PT se acostumou a fazer campanha com muito dinheiro.  A primeira disputa do PT foi em 192, com Hélio Pimenta. Não havia dinheiro nem para produzir santinhos. Os votos obtidos não seria suficiente para eleger um vereador. O filme se repetiu em 1986. Mas quatro anos depois, em 1990, o PT lançou Jorge Viana e com apoio condicional do governo estadual, foi para o segundo turno com Edmundo e deu tremendo susto ao extinto PDS, hoje PP.   

De 1990 pra cá, o PT se acostumou a fazer campana com estrutura e muito dinheiro. Tanto que,em 1992, Jorge Viana desbancou Mauri Sérgio (MDB) e José Bestene (PDS-hoje PP) e foi eleito prefeito. Claro eu se tivéssemos segundo turno, à época, o PT seria derrotado, mas como não havia, Viana foi eleito com apenas 33%dos votos. Portanto, um eleição ilegítima, pois não teve apoio da maioria.

Portanto, como Jorge Viana não quer, Raimundo Angelim também não, vai sobrar para o deputado Daniel Zen. Pela primeira vez depois que chegou ao poder em 1992, o PT vai disputar eleição sem  dinheiro, afinal, está longe do poder. O e-prefeito Marcus Alexandre está impedido, mas se tivesse meio legal, certamente também não teria coragem de se aventurar. Le ainda está escabreado com a surra que levou em 2018.

O novo pacto

Senador Marcio Bittar (MDB-AC),  relator da PEC do Pacto Federativo,  é a favor da proposta que, sem sua opinião, promove grandes mudanças em benefício da sociedade, com destaque para a educação.

Austeridade

“O novo pacto federativo vai promover uma verdadeira transformação das relações institucionais e financeiras entre os entes nacionais porque consolida uma cultura fiscal com elementos fortes como austeridade, responsabilidade e sustentabilidade fiscal”, afirma

Ponto principal

O senador acreano, afirma que a arrecadação e divisão de responsabilidades entre União, Estados e municípios representam o principal Objetivo da apostatar ele relatada.

Desproporcional

Apesar de o Brasil investir como os países mais ricos nas escolas, segundo Bittar, fica nos últimos lugares em qualidade da educação. O último Programme for International Student Assessment (PISA-2019), é uma prova disso.

Avaliação

A avaliação feita pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) para medir a qualidade da educação em diversos países. O Brasil foi reprovado.

Justa distribuição

 A proposta fala em desobrigar, desindexar e desvincular. Segundo o senador, a a PEC do Pacto Federativo pode trazer a liberdade orçamentária e envolvimento da sociedade no ensino.

Meta ousada

Em entrevista ao programa Boa Noite Rio Branco, nesta terça-feira, 14, na TV Rio Branco,  o presidente regional do PSL, Pedro Valério afirmou que a meta do partido  é eleger cinco prefeitos e  25 vereadores. Ele também foi entrevistado no programa Bom Dia Rio Branco, ao vivo, na mesma emissora.

Apoio garantido

Valério estava a acompanhado do secretário-geral do partido, Emerson Gomes. Ainda segundo Valério, para atingir as metas, o PSL acreano tem apoio do presidente nacional do partido, deputado federal Luciano Bivar (PE).

Lançamento

Pedro Valério confirmou o lançamento da pré-candidatura do jornalista, radialista e youtuber Rogério Wenceslau, na próxima segunda-feira, 21 na sede do partido, na avenida Ceará – Habitasa.

Mais dois

Outros dois pré-candidatos serão apresentados nos próximos dias. Segundo Vaério, o melhor candidato será definido pelos mais de 800 filiados do PSL e o público de um modo geral.

# Secretária de Empreendedorismo e Turismo, jornalista e radialista Eliane Sinhasique, é dinâmica, inteligente e bem articulada. Não por acaso foi vereadora e deputada estadual. Além disso, dentro das condições oferecidas, faz um bom trabalho e se destaca entre a equipe de secretários do governo progressista.

No entanto, essa ideia de construir estátuas de dinossauros em Rio Branco  foi bem aceita pela maioria da população. Nem mesmo a imbecilidade dos que inventaram a tal florestania, que tinha o extrativismo vegetal como carro chefe de desenvolvimento, foi capaz de falar em tal assunto.. 

PANORÂMICAS

# Governador Gladson Cameli (PP) deu até o dia 30 de prazo para que a CPL resolva as pendengas envolvendo a licitação da verba da mídia.

# Diferente do que ocorreu em 2019,  Gladson quer investir na mídia no segundo ano de seu mandato.

# Ele lembrou que no governo anterior, havia uma empresa para ganhar e outra para perder licitação.

# Na licitação lançada ano passado, 14 empresas entraram na disputa.

# Marcar consulta por meio de aplicativo é algo inovador e vai mudar para melhor a realidade existente hoje na Sesacre.

# Mas enquanto isso não acontece de fato,o governo precisa agir com mais agilidade.

# A demora em muitos casos, se constitui em um tremendo descaso. É algo desumano.

# Vereadores não têm nada de besta.Em ano de eleição, se uniram e criaram algo para aumentar a verba de gabinete.  

# Em ano de eleição esses procedimentos caem como um luva, mas deia muitos revoltados.

# Um bom dia ao prefeito de Porto Acre, Bené Damasceno (PP), que vai lutar pela reeleição. 

Artigos Publicados

As duas cassações mais esperadas da política acreana

Aleac: uma semana sem sessão e atraso de salário