Colunistas

Adversários atacam prefeita no primeiro dia de propaganda no rádio e na televisão

A propaganda eleitoral “gratuita” no rádio e na televisão começou nesta sexta-feira, 09. O primeiro programa a ser veiculado foi o da atual prefeita e candidata à reeleição em Rio Branco, professora-doutora Socorro Neri (PSB), pela coligação União Por Rio Branco. Ela detém o maior tempo na propaganda eleitoral. No vídeo, afirma que enquanto prefeita investiu onde realmente importava: no bem comum. “Foi pensando nas pessoas mais simples que as obras do Shopping Aquiri foram retomadas. Um espaço para as pessoas ganharem a vida com dignidade”, disse.

A prefeita também destacou a instalação de lâmpadas de led pela cidade. “Durante a pandemia, a prefeitura já realizou três etapas de distribuição de kits de merenda escolas para alunos de famílias de baixa renda”. Segundo ela, foram 2 anos de muito trabalho. “Primeiro ajustamos a casa, colocamos meta. Com isso, conseguimos conquistas importantes”.

Tião Bocalom (PP) foi o segundo a se apresentar, ao som de música animada e imagens de encontros com eleitores. A propaganda ressalta a imagem do “bom prefeito”, que Bocalom garante ser. “Um bom prefeito cuida do povo da cidade e do campo. Rio Branco merece ter um bom prefeito, por isso chegou a hora de mudar de verdade”.

Daniel Zen não se esquivou da tradicional estrela do PT e a levou para o programa eleitoral. Neste primeiro dia, deixou claro que iria usar seu tempo para homenagear os profissionais que atuam na linha de frente durante a pandemia do novo coronavírus. “Nossos programas vão ter muitas propostas para a nossa cidade, mas quero homenagear todos que se sacrificaram e salvaram vidas na pandemia. Foram muitas vidas perdidas no nosso Acre, não são só números”.

O candidato do MDB, deputado Roberto Duarte Junior, começou o programa criticando a situação de ruas em bairros da capital acreana, sendo acompanhado de moradores que também se demonstraram insatisfeitos. Eu vou cuidar da nossa gente”, salientando que vai cuidar da cidade partindo dos bairros para o centro de Rio Branco. Ele garantiu ainda que sua primeira proposta é pavimenta 100 km nos dois primeiros anos de governo. “Até o final do mandato, quero pavimentar todas as ruas”, prometeu.

O candidato do PSDB,  Minoru Kinpara, aproveitou o programa desta sexta para apresentar aos eleitores a origem de sua família e como chegou a Rio Branco na década de 70, lugar onde, segundo ele, já é sua casa e faz parte de sua história. “Construí minha vida e venci pela educação. O sentimento sempre é de muita luta e gratidão. Pertenço a Rio Branco e agora é hora de retribuir, focado em valores cristãos e de justiça, com uma gestão séria e competente”, assinalou.

O ex-deputado Jamyl Asfury, candidato do PSC, Jamyl Asfury, falou brevemente sobre alguns de seus projetos, como a implementação da guarda municipal. “Meu governo estará sob a autoridade de Deus”, finalizou. Os coordenadores da campanha de Jamyl aposta em seu bom desempenho os debates e nas rodadas de entrevistas para consolidar seu nome subir nas pesquisas de intenções de voto.

Perda de tempo

Os adversários da prefeita Socorro Neri (PSB) vão perder tempo ao atacá-la por obras não executadas nos bairros de Rio Branco. A prefeita nada prometeu, pois era candidata a vice-prefeita. Além disso, o que causa desgaste a um candidato é denúncia de corrupção ou de incompetência.

Vai jogar duro

Em entrevista a este colunista, no programa RB Notícias, nesta sexta-feira, ao vivo, na TV Rio Branco-SBT, o juiz Giordane Dourado, titular da Nona Zona Eleitoral, deixou bem claro que crimes eleitorais de um modo geral sobretudo, propagando ilegal e as famosas fakes News serão duramente combatido como prevê a legislação em vigor.

Compromisso assinado

O magistrado afirmou que sua primeira ação após o registro de candidaturas foi se reunir com os sete candidato à Prefeitura de Rio Branco para que estes assumissem compromisso contra as fakes News. Todos assinaram compromisso de além de não praticar notícias falsas orientar seus apoiadores, marqueteiros e aliados em geral a fazerem o mesmo.

Parceria importante

O juiz também destacou a importância da parceria entre Justiça Eleitoral, Ministério Público e as polícias Civil, Militar e Federal, onde o documento foi assinado pelos candidatos a prefeito. “A imprensa também exercerá papel de fundamental importância nesse processo, denunciando crimes eleitorais ou as falsas notícias”, afirmou.

Sonho realizado

Com quase 20 anos de magistratura, Giordane Dourado atua, pela segunda vez, como juiz eleitoral. A primeira foi em 2005, em Cruzeiro do Sul. Ele também esteve em outros municípios acreanos. “Comandar a eleição na capital do meu Estado representa uma difícil missão e, ao mesmo tempo, a realização de um sonho”, disse o magistrado.

Calote cívico

Giordane Dourado afirmou, ainda, que concorda com a proposta defendida pelo deputado federal constituinte, empresário e comentarista político Narciso Mendes, que prega o chamado “calote cívico”, baseado no recebimento do dinheiro ofertado na compra de voto. “O cidadão recebe o dinheiro, mas não vota no candidato que comprou seu voto”, afirmou.

Regulamentação

O magistrado também revelou, em primeira mão, que vai editar nesta segunda-feira, 12, documento regulamentando a distribuição de combustíveis por parte de candidatos, partido e coligações. “Com os constantes reajustes, combustível de modo geral, sobretudo gasolina passou a ser algo valoroso e muitas vezes acaba sendo usado de forma ilegal. Por isso, vamos controlar a distribuição”, explicou.

Mais um governista

Deputado Pedro Longo foi eleito pelo PV, partido que integrou a extinta Frente Popular do Acre (FPA) e é ligado ao ex-governador Tião Viana. Não por acaso, foi diretor-presidente do Imac e diretor-geral do Detran, no segundo mandato de Tião. No entanto, não pensem que ele vai fazer oposição.  Pedro Longo integrará a bancada governista na Aleac.

Nivelando por baixo

Em Cruzeiro do Sul, os dois candidatos mais fortes na disputa pela Prefeitura estão em situações parecidas. Zequinha Lima (PP) é acusado de ser ficha suja e vai ter que correr em busca de uma decisão liminar para continuar candidato; Fagner Sales (MDB) foi enfraquecido por tabela, uma vez que seu pai, o ex-prefeito Vagner Sales está na mira da Polícia Federal.

Sonho liberal

Enquanto Zequinha Lima (PP) está na mira da Justiça Eleitoral e do Tribunal de Contas e Fagner Sales, por tabela, na mira da Polícia Federal e do Ministério Público, o candidato do PSL, sargento Adônis Souza e apoiadores mais próximos começam a sonhar com a vitória na disputa pela Prefeitura de Cruzeiro do Sul. O policial desbancou o candidato do MDB e aparece em segundo lugar, colado no candidato do PP, Zequinha Lima.

Se sentindo honrado

Doutor Eduardo Velloso, proprietário do Hospital de Olhos do Acre (HOA) e um dos oftalmologistas mais renomados do Acre, afirma que se sente honrado e orgulhoso do desempenho do senador Marcio Bittar (MDB-AC). Na condição de suplente de Bittar, ele afirma que a atuação do senador acreano supera suas expectativas. 

Prestígio incontestável

Além de ser vice-líder do governo no Senado e relator do Orçamento Geral da União (OGU) e do novo Pacto Federativo, Marcio Bittar é o político mais próximo do Presidente Jair Bolsonaro. Foi Marcio Bittar que comandou o processo de reaproximação de Bolsonaro com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP).

Favorito

A candidatura do jovem Samir Bestene a vereador pelo PP é forte não apenas por ele ser filho do deputado José Bestene, sobrinho da ex-vereadora Nabiha Bestene e tampouco primo do secretário de Saúde, Alysson Bestene, mas sim por ter apoio de vários segmentos sociais. Se não houver erros na reta final da campanha, Samir tem tudo para ser um dos campeões de votos.

Experiência

Conversei, ontem com o ex-deputado federal José Alex e este afirmou que os erros cometidos na campanha de seu filho, o vereador Anderson Sandro (PSD) não serão repetidos agora. Algumas falhas tiraram Anderson da disputa, em 2016, mas ele assumiu no início deste ano com a cassação do mandato de Laércio da Farmácia. Anderson tem feito oposição firma e responsável à prefeita Socorro Neri. Será um dos puxadores de voto de seu partido.

Ideologia

Professor Afrânio Moura comanda uma equipe de apoio à candidatura do deputado Daniel Zen à Prefeitura de Rio Branco pela coligação P-Psol-PC do B. Afrânio era secretário municipal de Esportes e Lazer, mas por questão de ideologia política e fidelidade partidária, pediu exoneração para poder apoiar Daniel Zen. São poucos os que agem dessa forma.Muito preferiam se render ou se vender

Artigos Publicados

O voto que derruba o veto na Aleac

Decreto define regras de execução orçamentária

Debate do DCE na Fieac é transformado em jogo de 4 x 1

Aleac é alvo de nova operação da Polícia Federal

O otimismo da prefeita Socorro Neri